Compartilhe

As vendas diárias de ingressos para as olimpíadas de inverno de Pyeongchang 2018 triplicaram após o início do revezamento da tocha olímpica no mês passado, e deixa o Comitê Olímpico Internacional (IOC) esperançoso em atingir a meta de 90% de ingressos vendidos até o começo dos Jogos em 9 de fevereiro.

Apesar do aumento considerável, até agora foram vendidos aproximadamente metade do esperado, após meses de baixas vendas.

PEYONG 1

O diretor do IOC, Christopher Dubi, porém, conta que os números estão crescendo rapidamente desde que a chama olímpica chegou ao país no dia 1 de novembro. “Nós discutimos sobre a situação da venda de ingressos, que está melhorando, estamos vendo um grande aumento diário nelas”, diz, após reunião com os executivos do Comitê.

Os baixos números na compra de bilhetes dos meses anteriores ligaram um alarme entre os organizadores, que resolveram tentar um Plano B, mobilizando governos locais e escolas para incentivarem as vendas. “Nós estamos com 55% de ingressos vendidos, a média é de 1,200 por dia, sem contar o consumo das escolas”, continua Dubi.

Nós temos que confiar nos coreanos, a expectativa é de que haja um aumento de último minuto nas compras, chegar a 90% de venda até o começo dos Jogos seria fabuloso”, termina.

O revezamento da tocha olímpica começou em 24 de outubro na Grécia, e irá passar pela Coreia por 101 dias, terminando em 9 de fevereiro, na abertura dos Jogos. Alguns idols foram confirmados a participarem do evento, como Chaeyeon, do grupo DIA, N e Leo, do VIXX, Takuya, do Cross Gene e Soyu, ex-Sistar.

O Presidente do Comitê Olímpico Coreano Lee Hee Beom e a Embaixadora Especial e famosa patinadora no gelo, Kim Yu-na. Foto: Yonhap
O Presidente do Comitê Olímpico Coreano Lee Hee Beom e a Embaixadora Especial e famosa patinadora no gelo, Kim Yu-na. Foto: Yonhap

A corrida para o começo das olimpíadas vem sendo encoberta pela crise na Península da Coreia, por conta da tensão política crescente entre o líder norte-coreano Kim Jong-Un e o presidente dos Estados Unidos Donald Trump.


Disclaimer: As opiniões expressas em matérias traduzidas ou em colunas específicas pertencem aos autores orignais e não refletem necessariamente a opinião do KOREAPOST.




DEIXE UM COMENTÁRIO