Compartilhe

Os líderes parlamentares da Coreia do Sul e da Rússia concordaram no sábado em criar um órgão consultivo para promover a cooperação entre as duas legislaturas.

Chung Se-kyun, porta voz da Assembleia Nacional Sul-Coreana, e Vyacheslav Volodin, presidente da Duma (“assembleia legislativa” russa), emitiram uma declaração conjunta após uma série de reuniões, durante a 137ª Assembleia da União Interparlamentar em São Petersburgo.

Concordamos em formar um comitê de alto nível para ser co-presidido pelos porta vozes das casas de ambos os países, no intuito de impulsionar uma cooperação estreita, incluindo esforços para facilitar grandes projetos em economia, comércio e investimento“, disseram eles no comunicado.

O painel previsto será convocado uma vez por ano para discutir questões pendentes, disse a Assembleia Nacional. Eles manifestaram interesse em organizar um encontro de comitês parlamentares de assuntos estrangeiros em PyeongChang, em um futuro próximo.

Eles também concordaram que os representantes da câmara baixa russa participarão de um fórum internacional sobre a cooperação com o Nordeste Asiático em Incheon, a oeste de Seul, que ocorrerá nos dias 25 a 27 de novembro; e os legisladores coreanos participarão de uma reunião internacional, cujo objetivo é discutir formas de prevenir crimes envolvendo narcóticos, que ocorrerá em Moscou em 4 de dezembro deste ano.


Disclaimer: As opiniões expressas em matérias traduzidas ou em colunas específicas pertencem aos autores orignais e não refletem necessariamente a opinião do KOREAPOST.




ImagensReuters Media
FonteKorea Times
Compartilhe
Artigo AnteriorVai um mingau de pinhão aí?
Próximo ArtigoFestival em Prol da “Vida Lenta” em Seul Atrai 370,000 Visitantes
Alessandra Scangarelli
Alessandra Scangarelli Brites, 31 anos, gaúcha, roteirista, produtora, jornalista e pesquisadora. Hoje objetiva realizar projetos e estudos que estabelecem a conexão entre as Relações Internacionais e o Cinema. Adora a produção cinematográfica e a literatura coreana. Formada em jornalismo pela PUCRS; concluiu especialização em Política Internacional também na mesma universidade. É mestre em Estudos Estratégicos Internacionais pela UFRGS. Especializou-se na área da política externa da Rússia e da China, além das relações estabelecidas entre o grupo BRICS.

DEIXE UM COMENTÁRIO