A kbeauty está conquistando o mundo e sua popularidade desperta cada vez mais curiosidade, assim como a busca por marcas que vendem seus produtos fora da Coreia. 


O consumidor estrangeiro está acostumado a ver a maioria das campanhas publicitárias de beleza e moda sul-coreanas com asiáticas com pele bem clara ou algumas modelos brancas. Por isso, muitos fãs de kbeauty de pele mais escura ou negra podem se perguntar: vale a pena comprar uma base ou cushion coreana? Continuem a ler o texto, porque a novidades são boas!

No Youtube e Instagram, por exemplo, temos uma boa forma de pesquisar e ouvir diferentes opiniões e experiências sobre produtos que desejamos comprar e aqueles que nem sabíamos que existiam. 

Etude House – “Double Lasting Foundation”, com 7 tons de base. Foto: lipstiq.com

Um bom exemplo disso seriam os 10 passos da rotina coreana de beleza. Muitas pessoas fora da Coreia do Sul se interessam por máscaras faciais, essências, tônicos hidratantes, ampolas, óleos de limpeza facial e outros produtos.

Curiosos e amantes da kbeauty nos Estados Unidos, Europa e aqui no Brasil apontaram bons resultados ao usar os produtos sul-coreanos em suas rotinas de beleza, seja no tratamento de espinhas, manchas, cuidar melhor da pele oleosa e manter uma boa hidratação para quem tem pele mais seca.

E em meio a tantos produtos interessantes de cuidados com a pele, as marcas de maquiagem sul-coreana não podiam ficar de fora! A maquiagem dos idols e atrizes dos dramas e filmes coreanos chamou muita atenção pela abordagem mais natural e iluminada.

No entanto, é normal que exista dúvida e incerteza ao adquirir alguns produtos quando não conseguimos ter acesso a informação sobre as cores disponíveis e imagens do produto em modelos de diferentes cores de pele. 

Mesmo alguns sul-coreanos não encontram uma base adequada para o seu tom de pele no kbeauty. A maioria das bases, cushions e corretivos coreanos baseiam-se em 3 tons: 21 bege claro, 22 bege pink e 23 bege natural.

Outros consumidores de diferentes países asiáticos onde o kbeauty é muito procurado (como Tailândia, Singapura, Malásia, Filipinas, Índia e mais) também passam por essa situação, pois existem diversas etnias asiáticas cuja pele é mais escura que a de coreanos e japoneses. Até mesmo dentro da Coreia, existem pessoas de diferentes ancestralidades, que possuem a pele mais escura. Num passado não tão distante, estas pessoas sofriam até até um certo preconceito mas graças à globalização, isto está mudando!

Jella (젤라) é sul-coreana, YouTuber e precisa de uma cor mais escura do que os tons de base mais vendidos no país. Ela comentava sua dificuldade de comprar bases de marca coreana em seus vídeos. 

Jella para a coleção de Base Hard Cover Glow – Holika Holika em 2018; Foto: Holika Holika

Em 2018, junto a marca Holika Holika, Jella lançou a cor de base número 06, promovendo o lançamento de tons mais escuros para o kbeauty.

Hera, outra marca conhecida de maquiagem também lançou mais cores de base. Marcas como a 16brand, Etude House, Espoir, Laneige e Innisfree vendem algumas linhas de bases com algumas cores médias/escuras.  

Base Pro Tailor Foundation da marca Espoir – com 10 opções de cores. Foto: espoir.comÉ muito bom poder contar com opiniões diferentes, imagens e testes feitos por alguém antes de investir em algum produto que nem sempre está disponível em nosso país, certo? Youtubers negras que moram (ou já moraram) na Coreia, como as norte-americanas Megan Bowen, Kennie J.D e a brasileira Carine na Koreia e muitas outras, também pensam assim.

Em seus canais, encontramos diversos vídeos, com resenhas de produtos de kbeauty. Elas compartilham suas experiências e apontam suas marcas favoritas de lip tints, skincare e muito mais. Assim, quem mora fora da Coreia e quer muito adquirir algum produto, pode tirar dúvidas através dos vídeos e se sentir mais confiante antes de investir.

O resultado da base Holika Holika na YouTuber Kennie J.D é simplesmente arrasador!

Nota-se o quanto a base coreana tem um efeito lindo, deixando a pele com um aspecto de pele saudável e luminosa por ser mais hidratante, mesmo misturada com outra base ou contorno.

Com mais criadores de conteúdo focados em beleza e maquiagem, o aumento da procura de produtos e dos fãs/consumidores globais de kbeauty, esperamos ansiosamente por mais produtos de maquiagem sul-coreanos dos quais todos possam usar e amar. 

Nova base Hera Black Foundation – com 12 cores. Foto: Hera.com

É importante ressaltar que todos somos lindos da maneira que somos. Apreciar uma tendência de moda ou maquiagem é ter todo o poder de adaptá-la ao nossos traços, estilo e personalidade (usar o que nos faz feliz e realça a nossa beleza natural) e não apenas reproduzir em si aquilo que vemos no outro. 

* O Koreapost repudia qualquer forma de preconceito e/ou discriminação. Buscamos ao máximo proporcionar informação e curiosidade sobre a Coreia do Sul em relação às tendências de beleza e moda, respeitando a cultura e a diversidade.


Disclaimer: As opiniões expressas em matérias traduzidas ou em colunas específicas pertencem aos autores orignais e não refletem necessariamente a opinião do KOREAPOST.



DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome.