Innocence| Inocência | Hangul: 결백 | Diretor: Park Sang Hyun | Ano: 2020| Classificação Indicativa: +15 | Duração: 110 minutos 

Todo ser humano acusado de cometer um crime é inocente até que a sua culpa tenha sido provada, porém não parece que isso seja seguido a risca. Às vezes, a diferença entre certo e errado pode não ser tão clara, assim como culpa e inocência. Como definimos quando alguém é inocente ou culpado? Mesmo com todos os indícios e evidências apontando para um indivíduo, ele realmente é o culpado?

Crimes, manipulações, acobertamento, mistérios, investigações, julgamento e até um pouco de drama. Inocência, de 2020, está recheado disso.

Inocência. Culpado Até Que Se Prove O Contrário.
Foto: my drama list

Inocência, dirigido por Park Sang Hyun, conta a história da advogada
Ahn Jung In (Shin Hye Sun, conhecida por School 2013, Stranger e Mr. Queen) que precisa provar a inocência de sua mãe e desvendar os segredos de sua antiga vila. Sua mãe, Hwa Ja (Bae Jong Ok, conhecida por Graceful family, Live e Mr. Queen) foi acusada de assassinato, após um grupo de pessoas ser envenenada no funeral de seu marido.

O longa é inspirado em um incidente da vida real, que ocorreu em 14 de julho de 2015, quando um grupo de 6 mulheres idosas ficaram doentes, em Sangju, província de Gyeongsang do Norte, depois de beber um refrigerante misturado com pesticida. 2 das mulheres morreram. A polícia prendeu uma mulher na casa dos 80 anos e a condenou à prisão perpétua.

A trama avança aos poucos, apresentando personagens, em um funeral – usando um belo take longo, onde quase não houve cortes – e o mistério é introduzido. Ao longo do filme, mais mistérios são apresentados, o que prende a atenção do telespectador até o fim, mesmo que por 1 segundo tudo pareça óbvio.

A mãe de Jung confessa o crime e é presa, isso faz com que Jung In volte para casa. Com o desenrolar do enredo, os dramas familiares de Jung In são revelados, incluindo traumas do passado e sua atual situação, com a mãe que tem Alzheimer, acusada de assassinato e um irmão mais novo, Ahn Jung Soo (Hong Kyung conhecido por School 2017) que tem autismo.

Inocência. Culpado Até Que Se Prove O Contrário.
Foto: my drama list

Com o início das investigações e julgamentos, o descaso e as atitudes suspeitas, denunciam o óbvio, trilhando o caminho para conspirações e corrupção do governo. Jung In investiga tudo por conta própria, e quando algumas pessoas não ficam tão felizes com isso, e sua vida corre perigo.

O último arco é um tanto longo, mas empolgante e surpreendente, e resolve todos os mistérios, sem deixar pontas soltas, sendo diferente de filmes do gênero, ao seguir por um caminho diferente.

Inocência. Culpado Até Que Se Prove O Contrário.
Foto: imdb. Atores da esquerda para a direita, hong kyung e bae jong ok.

As atuações de Shin Hye Sun e Bae Jong Ok são impecáveis e convincentes, principalmente, quando se trata de Bae que entrega com excelência uma personagem com diversas camadas, uma mãe e esposa com Alzheimer, que sofreu muito. Hong Kyung também tem uma atuação de destaque ao interpretar um personagem com autismo. O show de atuação levou a indicações a prêmios, incluindo ao prêmio Blue Dragon Film Award.

O filme consegue caminhar entre os gêneros de suspense e mistério, além de entregar algumas poucas cenas de comédia. Mesmo com poucas cenas dramáticas, ainda é possível se emocionar, principalmente, quando se trata de perdoar a família e sobre as camadas do relacionamento entre mãe e filha.

Inocência. Culpado Até Que Se Prove O Contrário.
Foto: nekosdrama. Atrizes da esquerda para a direita, bae jong ok e shin hye sun.

Em certos momentos, a fotografia é bela e bem usada, principalmente, em planos abertos. Além disso, cenas em preto e branco são usadas para introduzir parte da narrativa.

O suspense e o mistério podem ser decepcionantes para quem viu todos os trailers, já que, provavelmente, 60 % da trama foi revelada nos últimos trailers. Mas é um filme interessante, que pode gerar questionamentos e teorias.

Inocência. Culpado Até Que Se Prove O Contrário.
Foto: seongyong’s private place

O elenco conta com Heo Joon Ho, Tae Hang Ho, Ko Chang Seok, Park Chul Min, Jung In Kyum e outros.

Inocência está disponível para aluguel no serviço de streaming Looke e na Claro Video.

Fique com um dos trailers:


Disclaimer: As opiniões expressas em matérias traduzidas ou em colunas específicas pertencem aos autores orignais e não refletem necessariamente a opinião do KOREAPOST.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.