Avengers Social Club | 부암동 복수자들 | Ano: 2017 | Episódios: 12 | Emissora: tvN

Olá dorameiras e dorameiros de plantão, como vão vocês???

Meu primeiro texto para essa coluna – MARAVILHOSA! – é uma recomendação de dorama para vocês se divertirem nessa quarentena.

Lá estava eu procurando algo para assistir no Mydramalist e apareceu “Avengers Social Club“, com uma das ajummas mais famosas dos dramas coreanos. Esse é um drama que vai render boas risadas, um pouquinho de desespero e indignação.

Avengers Social Club conta a história de 3 mulheres – Ajummas – diferentes, que acabam se unindo, devido um objetivo em comum: VINGANÇA! (Adoro!!)

FOTO: couch+kimch

Kim Jung-Hye (Lee Yo-Won) tem 36 anos, é herdeira de um importante grupo e foi obrigada a se casar para unir 2 grandes famílias. Ao descobrir que foi traída, que seu marido teve um filho fora do casamento, o mesmo decide trazê-lo para casa, fazendo Jung-Hye se sentir humilhada. Ela quer se vingar de seu marido.

Hong Do-Hee (Ra Mi-Ran) é uma mãe solteira com um filho que sofre bullying e uma filha que sofre com dificuldades no seu local de trabalho. Ela é uma vendedora de peixe que sofre várias humilhações. Ela deseja se vingar, após ser humilhada por uma madame e seu filho mimado.

Lee Mi-Sook (Myung Se-Bin) é uma mãe dedicada, que cresceu como órfã e sofre violência doméstica, por parte de seu marido.

Lee Soo-Gyum (Jun) é o enteado de Jung-Hye, que é trazido para morar com o pai, e que tem segundas intenções, pois ele é o único neto do presidente de um grupo multimilionário. Ele também deseja se vingar de seu pai por querer usá-lo.

Com a união desses personagens o “Avengers Social Club” é formado, no café Buamdong. Cada um com seu motivo para se vingar de alguém.

O drama é baseado em uma webtoonBuam-dong Boksooja Soshyeolkeurub“, publicada de Setembro de 2014 a Dezembro de 2016.

FOTO: Amino

Jung-Hye de início parece mais uma herdeira metida, porém aos poucos vamos vendo que ela é uma pessoa sensível e fofa, que teve todas as decisões de sua vida tomada por outras pessoas. Ela que recruta todos os personagens para o “Clubinho da Vingança“. É um dos personagens que mais evolui na trama, como uma pessoa que está perdida no mundo sem saber seu papel.

Mi-Sook acaba se cansando de sofrer violência e se junta ao grupo. Pra mim, a história dela é a mais triste, além da violência doméstica, ela é órfã e sofreu com perdas.

Soo-Gyum é a personagem que não tem suas motivações muito claras a princípio, mas ao longo do drama isso é expressado melhor.

FOTO: couch+kimchi

Aquela ajumma mai famosa, Ra Min-Ran, faz a personagem é a cola do grupo, mantém todos unidos, é uma mãe para todos, além de ensinar os outras a apreciar as pequenas coisas da vida.

Neste drama o grande vilão são os homens e todos acabam criando armadilhas para si mesmos com seus feitos. Além disso, a história tem um tema básico, porém é muito bem executada. Todas as histórias estão conectadas e se tornam uma.

O drama faz críticas a violência contra mulher, rejeição familiar, abandono, bullying, classes sócias e assédio.

Contém 12 episódios com 60 minutos de duração, foi exibido pela tvN em Outubro de 2017, tendo seu último episódio exibido em Dezembro de 2017.


Disclaimer: As opiniões expressas em matérias traduzidas ou em colunas específicas pertencem aos autores orignais e não refletem necessariamente a opinião do KOREAPOST.



DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome.