Título: Birthcare Center/A Maternidade | Hangul: 산후 조리원 | Episódios: 8
Duração: 1h e 5min | Rede: TVN | Distribuído por: VIKI | Gênero: Drama

Hey delícias como vocês estão? Acho que a resposta pra minha pergunta é “Desejando um 2021 cheio de saúde, realizações de projetos e Kdramas maravilhosos” acertei? Rsrsrsrsr…

Começo os trabalhos este ano com uma indicação um pouco diferenciada dos dramas que estamos acostumados a acompanhar. “Birthcare Center” traz a maternidade de uma forma distinta e mais crua, com uma narrativa que celebra os esforços de uma mulher em criar e educar um filho.

A história se passa em uma clínica de acompanhamento e recuperação para as mamães que acabaram de dar a luz.

Eu como profissional da saúde, assisti curiosa em saber como eram esses cuidados e fiquei impressionada com o fato de que essas clínicas realmente existem na Coreia (algumas delas de luxo, inclusive). Assisti alguns vlogs de mamães que já passaram por lá e me encantei com o modelo de cuidados prestados visando o bem estar do bebê e da mãe.

Confesso que houve um choque cultural em relação há alguns cuidados, mas procurei assistir com a mente aberta, e para quem já é mãe aconselho o mesmo.

Birthcare Center [Drama]
Imagem: hellokpop

A frente dessa clinica está Choi Hye-Suk (Jang Hye-Jin, já conhecida por nós em parasite, 2019) com sua fachada de general ela comanda uma equipe com perfeição, deixando claro que o puerpério não é fácil, seu um ponto positivo é esclarecer dúvidas e dar liberdade para as mamães de como de cuidar dos seus bebês. Apesar de “casca dura” ela dá conselhos sábios e consegue aquecer o coração de uma mãe.

Birthcare Center [Drama]
Imagem: idol

A personagem principal é a Oh Hyun-Jin (Uhm Ji-Won) com seus belos 40 anos de vida ela sempre se dedicou ao trabalho, tanto que se tornou a executiva mais jovem da empresa. Ao longo do drama veremos como ela estava no controle de sua vida, e ao descobrir que a maternidade é bem dificultosa tudo mudará para ela, antes tão confiante e agora com medo do que está por vir.

Imagem: Hancinema
Imagem: hancinema

Após um parto difícil, ela se hospeda junto com o bebê e seu marido na clínica (sim, os maridos também podem se hospedar com restrições de circular em alguns ambientes) afinal… eles também precisam aprender a cuidar de um recém-nascido. Na clínica eles descobrem que a suas inteligências subestimavam a maternidade.

Birthcare Center [Drama]
Imagem: soompi

Lá além de receber cuidados e orientações ela trocará opiniões com outras mães que tem objetivos e valores bem diferentes umas das outras. Outro ponto positivo para o drama pra mim é que ele permanece fiel as muitas preocupações e fardos em torno de uma nova mãe, e consegue carregar um senso de humor realista.

MÃES ☓ MÃES

“Uma boa mãe, não é uma mãe perfeita”

Em “Birthcare Center” veremos batalhas mentais épicas, tais como – amamentar ou alimentar com leite artificial? Largar o trabalho e cuidar do seu bebê ou deixá-lo aos cuidados de outra pessoa enquanto você trabalha?

Surpreendente as várias pressões sofridas pelas mulheres que vão de um olhar severo sobre a “perfeição de uma mãe” até os constrangimentos cômicos na vida de uma mulher que acaba de dar a luz.

Elas lidam com muitas preocupações e problemas realistas do pós-parto, novas mães (e pais) enfrentam muitas emoções e experiências, além disso, as expectativas e “conselhos” das pessoas ao redor podem se tornar realmente sufocantes. Achei super importante trazer a maternidade assim, as mulheres estão tentando se redefinir como pessoas, como mães, esposas e aceitar um novo corpo que mudou após a gravidez. Isso ajuda a quebrar alguns tabus e levantar alguns debates interessantes que o drama soube trazer com humor.

Birthcare Center [Drama]
Imagem: hellokpop

O Colírio das 15h00

Na vida de uma mãe nem tudo são fraldas, há instantes que precisamos de algo para descontrair. Na clínica esse momento é pontual – além de encomendas, ele traz suspiros e sorrisos bobos. Entre os momentos que me tiraram gargalhadas esse é um deles.

Birthcare Center [Drama]
Imagem: hancinema

Bromance de dar inveja

Outros momentos cômicos são trazidos pelo marido da Oh Hyun-Jin, o Kim Do-Yoon (Yoon Park). Pai e marido devoto ele dará o melhor de si para o bem de todos. Outro diferencial de “Birthcare Center” é que o casal não está no padrão que estamos acostumados a ver em dramas, eles carregam leveza no relacionamento – ele sabe que a esposa apesar de madura, é novata naquele quesito.

Ter um filho na casa dos 40 e sem nenhum conhecimento na área é uma tarefa muito difícil. Então ele conta com a ajuda (e conforto) do Yang Joon-Suk (Lee Jun-hyeok) pai de quatro filhos, que dará dicas de cuidados e conselhos amorosos. As cenas desses dois juntos são sempre divertidas.

Birthcare Center [Drama]
Imagem: kpopmap

Enfim todas as mãe superam dificuldades mostrando que não há problema em se sentir cansada ou confusa em alguns momentos.

Birthcare Center [Drama]
Imagem:hancinema

Um drama tão subestimado mas significativo. Diz muito à vida conjugal e definitivamente, sobre a vida da nova mãe! Posso me identificar facilmente com todos os personagens desse drama.

Fico por aqui… até a próximo drama! 😘


Disclaimer: As opiniões expressas em matérias traduzidas ou em colunas específicas pertencem aos autores orignais e não refletem necessariamente a opinião do KOREAPOST.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.