Título: Kiss Goblin | Kiss Ghost | Hangul: 키스 요괴 | Ano: 2020 |
Episódios: 12 | Distribuído por: KOKTV da WHYNOT Media

Hey Delícias… Como Vocês estão? Atualizando a listinha de dramas ou adicionando mais alguns a ela?

Eu como sempre, fico com a segunda opção.

Como na minha última resenha (Queen of the Ring), esse também é um mini drama na vibe fantasia. Mas mantenham o foco nessa frase “COM MUUUUUIIITOOOS BEIJOS NA BOCA”… Sim… Coloquei ênfase nessa frase porque boa dorameira que sou tenho que utilizar da honestidade para dizer que beijo é artigo de luxo em muitos Kdramas.

O nome já diz tudo “KISS GOBLIN” ou “KISS GHOST”  conta o que um goblin (figura mitológico do folclore coreano) precisa fazer para se tornar um humano.

O Goblin em questão é o Ban Sook (Bae In Hyuk) jovem de 160 anos de idade, que já está de saco cheio de viver sozinho e resolve virar humano.

Foco novamente para a missão.

Para se tornar um humano ele precisa aprender a ser um, então precisa beijar 10 mulheres e capturar 10 emoções diferentes, as mulheres são escolhidas pela Rainha dos Goblins. O triste é que nenhuma delas se lembra desse episódio depois. Minha teoria é que isso acontece para que elas não acabem  se apaixonando por ele (o risco é altíssimo) porque vamos combinar o Goblin é lindooooo minha gente!

Como #ogoblintaon no primeiro ep, o ambiente já está perfeito  para ele conseguir sua primeira emoção. Um bar lotado de jovens lindas, bebidas e uma rua escura tranquila, lugar ideal para “uns pegas” (isso na Coreia, né gente). E lá o  tem seu primeiro beijo capturando assim sua primeira emoção.

O VAZIO, sim caros dorameiros, o vazio é uma emoção, acho até que é a mais difícil de se explicar, muitas vezes ela chega a ser pesada, e logo essa foi a primeira a ser capturada pelo Goblin, que voltou pra casa apenas com a sensação de um “oco no coração” fofo… porém triste.

Nesse bar trabalha a universitaria Oh Yeon Ah (Jun Hye). Batalhadora e de bom coração, ela tenta superar um fora que levou do namorado e não consegue confiar tanto assim nos homens. Sua vida segue uma rotina dividida entre a universidade, trabalho e poucos (e bons) amigos.

Imagem: Mydramalist

Nos perrengues da vida o destino une os dois, pois o Goblin precisa beijar a melhor a amiga da Yeon Ah que fica P da vida porque já o viu com outra garota no bar que trabalha.

Com esse beijo ele captura a segunda emoção. COMPAIXÃO. Esse sentimento geralmente é “dado” para outra pessoa e faz você querer confortar alguém. O BK (Ban Sook vamos chamá-lo assim, porque já somos íntimos) não entende muito bem esse sentimento, mas segue em frente com a missão.

Como o destino é maravilhoso, ele começa a trabalhar no mesmo bar que a Yeon Ah. Lá ele entende como a compaixão funciona e surge a ligação entre os dois.

O BK continua recebendo as ordens de quem deve beijar, e com o tempo ele vai entendendo como a mente o coração do ser humano funcionam.

Seu próximo beijo vem com a terceira emoção, a TRISTEZA, um sentimento que não se pode dominar, a gente até tenta disfarçar, mais controlar não dá. O que deixa nosso lindo BK aos prantos sem saber bem  porque. É o momento em que ele é acalentado pela Yeon Ah que partilha da mesma dor desde o fora que levou do namorado.

BK então  resolve revelar para ela sua história, que não acredita em nada, CLARO, mas fica intrigada e resolve tirar as provas do nove.

Imagem: Mydramalist

O que não adiantou, já que ela não era a escolhida pela Rainha dos Goblins (tem fila pra beijar esse lindo, querida Rsrsr).

E nessa fila ele encontra a próxima garota para capturar a quarta emoção, a RAIVA, que na maioria das vezes você escolhe se quer controlar ou não, porém nunca saberá quais consequências virão após esse sentimento.

O BK  resolve não controlar quando vê a Yeon Ah em um situação de constrangimento na faculdade, sem pensar duas vezes ele parte pra cima do ex namorado da nova amiga.

Ainda sem entender esse sentimento ele encontra com o ceifador (que também pode se chamado de exorcista) mas achei mais legal chamá-lo de ceifador.  (sim gente, se tem Goblin tem ceifador também rsrsrs o que nos faz lembrar de outro drama) e como já sabemos, o ceifador é tão bonito quanto o Goblin.

Imagem: Mydramalist

O ceifador (Jang Eui Soo) também tem sua missão, matar o Goblin, mas encontra dificuldade quando a Yeon Ah resolve proteger o BK.

Preciso de um espaço aqui pra falar da briga do Goblin com o ceifador. A cena foi feita pra ser tipo uma cena de ação e tal, mas sério… é engraçado demais, só assistindo pra entender melhor.

Voltando… Agora temos o Goblin que quer virar humano, a humana que quer proteger um Goblin e o ceifador que quer acabar com o Goblin mas não pode matar a humana. Cada um com suas prioridades não é mesmo?

Imagem: Mydramalist

Já que o destino fez com que começassem a trabalhar juntos no mesmo bar, porque não morar juntos também? Os dois resolvem selar um acordo – em troca da proteção da Yeon Ah que irá acompanhá-lo em cada encontro – ele irá pagar o aluguel (integral) da casa, irá cozinha, lavar e limpar SOZINHO o lar que o DOIS dividem, Justo assim kkkk!

Então para o próximo encontro o BK já conta com a proteção da Yeon ah  (isso me lembra novamente outro drama 🤔 rsrsrs) e sob os olhos da amiga ele conquista a quinta emoção a ALEGRIA

Imagem: Mydramalist

Até que fim uma emoção boa não é mesmo, quando você carrega esse sentimento tudo fica mais leve e colorido.

Até a sexta emoção ser capturada, o DESEJO, outra emoção que deixa nosso Goblin intrigado, desejar ser mais próximo de uma pessoa é estranho.

Conseguir 10 beijos é fácil (pra ele que é lindo, solteiro, e tal). Agora lidar com esses sentimentos, segundo a rainhas do Goblins é “COMPLICADO, ESQUISITO E DOLOROSO” (até concordo com ela).

E se já estava ficando difícil pra ele imagine depois de capturar a sétima emoção, a PAIXÃO , esse sentimento é intenso e incontrolável, como um Goblin pode  explicar em palavras um sentimento tão forte? É difícil até pra Yeon Ah que é humana e descobre que mesmo sem querer, já está apaixonada pelo BK.

As emoções começam a se misturar e os dois só descobrem essa paixão um pelo outro quando ele captura a oitava emoção, O CIÚME , que não é simples, as vezes até desequilibrado. Mas no caso desses dois fica fofo quando ele captura a nona emoção o MEDO, que deixam nosso BK não só com medo do ceifador, mas até do vento kkkk (rindo com respeito do ceifador).

Mesmo a Yeon ah já sendo humana, ela aprende mais sobre como lidar com as emoções junto do BK.

“Quanto mais você se recusa a aceitar o sentimento, mais profundo ele se torna. No momento em que você aceitar, ficará fora de controle. Como um balão expandido. Você não sabe quando vai estourar”

Cada vez mais próximo de finalizar a missão, mais fica difícil para o BK viver como Goblin entre nós, já que o ceifafor não dá descanso.

Até que a ele consegue pegá-lo sem sua amada “guarda-costas” e tenta tirar a vida do BK. (pausa para música triste) porque o Goblin lindinho leva uma facada gente. Enquanto ele agoniza e o ceifador faz seu monólogo, a Yeon ah consegue chegar aos prantos pedindo pela vida do BK. Desejo atendido pela rainha do Goblins, que o salva naquele momento.

As coisas voltam ao normal na vida dos dois, faltando apenas um beijo para ele virar humano, o plano é que assim que ele consiga, os dois permaneçam juntos (já que estão apaixonados). Plano que parece simples e singelo até ele receber informações sobre a nona e última garota e tudo ir por água a baixo.

Sim leitores, nada em kdrama é simples assim. A garota da vez é a Yeon ah e o sentimento que ele deve capturar é o AMOR, a rainha dos Goblins ao atender o desejo dela pela vida do amado, notou que sua principal emoção era o amor.

Imagem: Mydramalist

Como sabemos, depois de beijá-lo, ela irá esquecer dele. Tá… ele ainda lembrará dela e tentará reconquistá-la, problema resolvido, repito… Não, em kdrama nada é simples assim. Quando ele se tornar humano ele esquecerá toda a vida como Goblin.

Daí começa os questionamentos, virar humano e esquecer todo seu passado, inclusive o romance com a Yeon ah ou voltar pra terra dos Goblins e deixa-la com boas lembranças dele mas com mais um fora na lista? Será que o destino irá uni-los novamente?

Não vou dar spolier do final do drama, pois ele, apesar de curto e fantasioso tem seus encantos, vocês precisam assistir pra conferir. Mas adianto que o final me surpreendeu um pouco, achei lindo demais.

Fora que a cena final faz parecer que pode haver uma segunda temporada.

O que carrego desse drama? É que todas as emoções sejam elas positivas ou negativas estão intimamente ligadas à alguma motivação. Precisamos apenas entendê-las melhor.

Eu maratonei bem rapidinho e vou confessar que deixou meu dia mais leve. Essa é minha indicação pra deixar a semana de vocês assim também.

Beijos… Até a próxima!


Disclaimer: As opiniões expressas em matérias traduzidas ou em colunas específicas pertencem aos autores orignais e não refletem necessariamente a opinião do KOREAPOST.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome.