안녕, 난 마누야!

Como passaram o mês, pessoal? Assistiram muitos doramas?
Apesar de todos os ótimos doramas que foram exibidos neste mês de Outubro, hoje trago a resenha de um dorama um pouquinho mais velho.

Hoje falaremos de Somehow 18, short-dorama exibido entre Agosto e Setembro de 2017 pela Naver TV Cast e pela JTBC. Somehow 18 tem 10 episódios de aproximadamente 15 minutos cada. Ou seja, pegue a pipoca, sente no sofá e devore esse dorama de uma vez!

 

Somehow 18 é protagonizado pelo ator Choi Minho e pela atriz Lee Yoo Bi. Sim, Choi Minho, do SHINee. Caso você não saiba, Choi Minho tem toda uma carreira como ator também. Há tempos ele já saiu do rótulo “idol que atua” e passou a ser visto pela própria indústria cênica coreana como um ator em ascensão. A atriz, Lee Yoo Bi, também protagonista em A Poem a Day, minha última resenha aqui no Koreapost.

Aviso de Gatilho: Somehow 18 é uma história que fala sobre depressão e suicídio.

Aos 18 anos, Oh Kyung Whee é um jovem do último ano do colégio. Seu dia-a-dia não é nada fácil. Ele é alvo de bullying constantemente. Os mais fortes de sua sala o agridem fisicamente, fazem com que ele dê todo seu dinheiro pra eles, com que faça os deveres de todos… Ele tenta aguentar tanta humilhação, mas a cada dia sente que o peso só aumenta.

Foto: Deskgram
Foto: Deskgram

Um dia Oh Kyung Whee decide colocar um ponto final em sua vida, mas sua tentativa dá errado quando Han Nabi intervém. Han Nabi tem um jeito todo especial de viver a vida aos olhos de Oh Kyung Whee. Ela é decidida, fala as coisas na cara, não parece ter medo de nada e nem de ninguém. Han Nabi tem as atitudes que Oh Kyung Whee gostaria de ter, e sente que a garota lhe passa força para continuar.

Eles acabam desenvolvendo uma amizade breve, mas bastante intensa, principalmente depois da segunda tentativa de suicídio de Oh Kyung Whee. Novamente foi Han Nabi que o salvou. E desta vez, mais do que isso: ela o defendeu de seus agressores. Porém dias depois Han Nabi, inesperadamente, se suicida. A culpa corrói a vida de Oh Kyung Whee. Onde ele falhou? O que ele não percebeu? Por que ele não conseguiu fazer por ela aquilo que ela fez por ele duas vezes? O que levou Han Nabi embora?

Essas perguntas seguem Oh Kyung Whee até a vida adulta. Durante o dia Oh Kyung Whee se apresenta como um médico bem sucedido, trabalhador, sério, que ama sua vida. Mas às noites a lembrança de Han Nabi volta, a culpa, a saudades, a tristeza e a decepção. Decepção com ele mesmo, com ela, com a vida. Ao lado do pai de Han Nabi, Oh Kyung Whee vive sua solidão, compartilha sua dor e encontra conforto frio em alguém que entende seu sofrimento. Num destes encontros, no bar do pai de Han Nabi, saudades, bebida e uma música triste no rádio levam Oh Kyung Whee a outro mundo.

Agora Oh Kyung Whee está de volta ao colégio. Como diz o título do dorama, de alguma forma ele voltou aos 18 anos. E quem está ali com ele viva, alegre e forte é Han Nabi. Oh Kyung Whee sabe o que precisa fazer. De alguma forma ele voltou aos 18. De alguma forma ele precisa salvá-la.

Foto: SHINEE USA
Foto: SHINEE USA

Uma história simplesmente linda sobre amizade, amor e gratidão. Com certeza você vai se emocionar tanto quanto eu assistindo a Somehow 18.

Não se esqueçam de deixar seus comentários sobre o texto. Me digam se vocês se animaram a assistir Somehow 18 e se conhecem outros doramas que falem de assuntos sensíveis como depressão, bullying e suicídio. Até o próximo texto aqui no KP, vejo vocês nas minhas redes sociais e no meu canal no Youtube, o Coreanismo.

나중에 봐요!


Disclaimer: As opiniões expressas em matérias traduzidas ou em colunas específicas pertencem aos autores orignais e não refletem necessariamente a opinião do KOREAPOST.



DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome.