FOTO: Stanford Arts Review

Sweet Home | Hangul: 스위트홈 | Ano: 2020| Episódios: 10 | Duração: 52 minutos | Netflix

Olá, dorameiras, dorameiros e dorameires de plantão, como vão vocês???

Na recomendação de hoje temos uma série, fácil de maratonar, que prendeu minha atenção bastante, e às vezes, ainda me pego pensando sobre ela.

(Porém, aqui fica o alerta para aqueles que não curtem muito sangue, nem nada muito gore. Se você não curte esse tipo de conteúdo, não assista a esse drama.)

Pode conter Spoilers!!!!!

Sweet Home [Drama]
Foto: han cinema

Sweet Home conta a história de Cha Hyun-Soo (Song Kang) que se muda para um pequeno apartamento, em um prédio verde. Entretanto, um fenômeno misterioso, no qual humanos se transformam em monstros, começa a ocorrer em todo o mundo. Os residentes do prédio de apartamentos de Cha Hyun-Soo, começam a lutar contra esses monstros, na tentativa de sobreviver.

Sweet Home [Drama]
Fotos: han cinema e my animelist

Hyun-soo, interpretado por Song Kang (conhecido por Love Alarm), é um estudante que por sofrer bullying, decide se trancar no quarto e ficar recluso. Após uma tragédia, ele se muda para o prédio verde em ruínas. Ele só quer ficar em seu apartamento e jogar videogame, mas seus planos são arruinados.

Sweet Home [Drama]
Foto: han cinema

Seo Yi-Kyung interpretada por Lee Shi-Young (conhecida por Boys over Flowers, Playful Kiss e The Guardians), é uma bombeira e ex-integrante das forças especiais do governo, que se mudou para o prédio verde, após a morte de seu noivo.

Sweet Home [Drama]
Fotos: twitter

Pyeon Sang-Wook interpretado por Lee Jin-Wook (conhecido por Voice 2 e 3, High Society e Goodbye, Mr. Black), é aparentemente, um gangster, cheio de cicatrizes, causadas por um incêndio no passado. Além disso, ele não é um residente do prédio, mas aparece para visitar alguém.

Sweet Home [Drama]
Fotos: han cinema e wattpad

Lee Eun Hyuk interpretado por Lee Do Hyun (18 Again, Hotel Del Luna e Thirty But Seventeen), junto de sua irmã Lee Eun-Yoo (Go Min Si, conhecida por Love Alarm), moram no prédio verde. Eun Hyuk é quem lida com a situação dos monstros, racionalmente, liderando a todos.

A serie é baseada em uma webtoon de mesmo nome, criada por Kim Kan-Bi e Hwang Young-Chan, que começou a ser publicada em 12 de outubro de 2017.

Os fãs que leem a Webtoon puderam observar algumas adaptações feitas para a série, e as reações sobre isso foram diversas. A personagem de Lee Shi-Young, foi criada apenas para a série. Outras mudanças como personalidades de personagens, maior tempo de vida de outros, e um final de temporada diferente da Webtoon, foi solicitado pelos criadores de Sweet Home.

Sweet Home [Drama]
Foto: tic games network

A cada episódio da série, mais detalhes sobre o passado e a vida de cada personagem são revelados, gerando uma empatia maior. Ao longo dos episódios, o passado de Hyun-Soo é contado, desvendando sua personalidade, que muda, devido ao público e tragédias em sua vida pessoal. Em certos momentos, a série foca em como os seres humanos podem ser piores que monstros, principalmente, em situações extremas.

A série trata de assuntos pesados, porém importantes, como suicídio, violência doméstica, bullying, depressão e abuso infantil.

Um grupo de pessoas, aglomeradas em um lugar com pouca comida e sem poder sair para fora, muito similar a atual situação, deve gerar diversos conflitos. O elenco principal e os coadjuvantes acabam por ajudar uns aos outros em suas jornadas e traumas. Porém, muito das relações e dinâmica entre personagens é ignorada.

Prepare-se para chorar, pois, ao longo dos episódios, o público é cativado pelos personagens e suas histórias, mas a série não poupa ninguém, assim como, na Webtoon, personagens morrem em um piscar de olhos, sem tempo para podermos sofrer a perda deles.

Essa série é repleta de gore e sangue, já que um dos principais sintomas de quem se tornará um monstro é sangramento nasal – que parece mais um vazamento. A série tem cenas sangrentas dignas de comparações a Resident Evil e The Walking Dead. A cada final de episódio os personagens acabam em uma situação difícil.

Sweet Home [Drama]
Fotos: han cinema e my animelist

Os monstros por sua vez são baseados em desejos, quanto mais ambicioso o seu desejo, pior será o monstro, o que resulta em coisas horríveis. Nada é perfeito, mesmo repleto de atuações incríveis, uma trama interessante e novidades para os leitores da Webtoon, no caso dos monstros, os mesmos ficam muito a desejar. Numa combinação de maquiagem e CGI, os monstros da série muitas vezes se tornam caricatos e estranhos, o que desapontou muitos dos fãs da Webtoon.

Veja o vídeo de bastidores.

A trilha sonora é boa, principalmente, em cenas épicas e de suspense, porém deixa a desejar ao reprisar diversas vezes a mesma parte da música, ‘Warriors’, faixa do Imagine Dragons criada para o League of Legends.

Sweet Home traz na direção Lee Eung Bok, que dirigiu dramas famosos e aclamados como Goblin, Descendants of the Sun, Mr. Sunshine e as duas temporadas do clássico dorama, Dream High. O drama também é resultado de uma parceria da Netflix com o Studio Dragon, que é responsável pelas produções de Arthdal Chronicles, Hotel del Luna, Her Private Life e Mr. Sunshine.

Essa é só mais uma das diversas adaptações de Webtoon feitas em 2020, Itaewon Class, também da Netflix é uma adaptação de uma Webtoon de mesmo nome criada por Jo Gwang Jin. Mystic Pop-up Bar, também é uma adaptação da Webtoon de Bae Hye-soo, que também foi distribuída no Brasil pela Netflix.

Foi uma série que prendeu a atenção e me fez maratonar, mesmo com os problemas de efeito e trilha sonora. Vale a pena assistir, e se você não leu o Webtoon, vale a pena ler, para observar as diversas adaptações feitas.

Sweet Home [Drama]
Fotos: my drama list

O elenco conta com atores e atrizes famosos como, Park Gyu Young (It’s Okay to not to be  Ok), Kim Nam Hee (Mr. Sunshine), Kim Gab Soo (Hospital Playlist), Go Yoon Jung (He is Psychometric), Kim Sang Ho (Kingdom), Kim Hee Jung (Start Up) e outros.

Sweet Home está disponível na Netflix.


Disclaimer: As opiniões expressas em matérias traduzidas ou em colunas específicas pertencem aos autores orignais e não refletem necessariamente a opinião do KOREAPOST.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.