안녕하세요! Olá!

Finalmente Terça! Dia de KP Travel!

Depois da ‘25 de Março’ Coreana, hoje vamos conhecer um dos lugares mais visitados de Seul: O Rio Han!

Também conhecido como ‘Hangang’, o Rio Han nasce do encontro de dois outros rios: o Rio Namhan, que tem sua nascente na cidade de Taebaek, na província de Gangwon-do e o Rio Bukhan, que tem sua nascente localizada no Monte Geumgang, na Coreia do Norte. Ele flui pela capital, Seul e desemboca no Rio Imjin, que deságua no Mar Amarelo.

É o quarto maior rio da Coreia, ficando atrás dos rios Amrok (Yalu), Tuman (Tumen) e Nakdong.

Ele é de extrema importância para o povo coreano! Não é para menos! O rio foi uma das mais importantes rotas comerciais desde a dinastia Choson, entre o período entre 1392 a 1910, e servia também de proteção contra ataques. Produtos agrícolas são cultivados em algumas regiões por onde o Han passa e além disso o rio ainda abastece e fornece energia elétrica além de ser um dos pontos turísticos e culturais mais conhecidos de Seul.

Com o fim da Guerra da Coreia (1950-1953), o Rio Han estava sofrendo com os altos níveis de poluição, quase como o Rio Tietê em São Paulo, que ainda sofre com a sujeira que foi e ainda é despejada ao longo de seu curso. No caso do Han, o governo de Seul se articulou e começou a liberar recursos para que os esforços para a despoluição dessem resultados efetivos. Deu certo! Os resultados puderam ser vistos, e em 1988, nos Jogos Olímpicos de Verão, sediados em Seul quando o Rio Han foi palco para as provas de Remo.

Depois da revitalização, o turismo na área do rio voltou a crescer! Com as várias opções que agora eram disponíveis, os turistas e residentes da cidade voltaram a frequentar a área! E o que tem de bonito/interessante/divertido por lá? Digo agora!

1. Passeio pelas águas do rio

Claro que tinha que ter! Um lugar lindo desse e você perder a chance de dar um passeio pelas águas? Os únicos motivos compreensíveis da lista seriam: alguma fobia de água, você realmente não gostar, mau tempo, ou se o monstro do filme ‘The Host’ realmente existisse!

Pedalinhos no Rio Han. Foto: Hedgers Abroad
Pedalinhos no Rio Han. Foto: Hedgers Abroad

Você pode alugar os famosos ‘pedalinhos’ ou embarcar em balsas que fazem tours ao longo do Han.

2. Andar de Bicicleta

‘Não sou fã de passeios na água!’ Problema nenhum! Você pode alugar uma bicicleta e sair pedalando e apreciando os visuais maravilhosos que poderá encontrar! (O valor geralmente é cobrado por hora, então tem que ficar esperto ok?)

Bicicletas de aluguel. Foto: qtkitchen.com
Bicicletas de aluguel. Foto: qtkitchen.com

3. Visitar os ‘Hangang Parks’

Em 1982, foi lançado o plano de desenvolvimento do Rio Hangang, quando terminado em 1986 foram entregues 12 parques-cidadãos de Seul e turistas. Mas, com a construção de prédios e estradas, os parques começaram a ver o número de visitantes cair drasticamente! Até que em 2007, um segundo plano de desenvolvimento foi lançado visando transformá-los em espaços onde os cidadãos pudessem se encontrar também com a arte e a cultura.

Parque Jamsil. Foto: Korea Tourism Organization.
Parque Jamsil. Foto: Korea Tourism Organization.

Gangseo, Nanji, Mangwon, Seonyudo, Yanghwa, Yeouido, Ichon, Banpo, Jamwon, Ttukseon, Jamsil, Gwangnaru são os 12 espaços que você pode aproveitar e incluir no seu tour pela área do Han.

4. Pontes

Só na região metropolitana de Seul, há 30 pontes sobre o Rio Han! Vou falar de duas bem que eu conheço por causa das referências!

Ponte Banpo:

A ponte Banpo, concluída em 1982 liga os distritos de Seocho e Yongsan e está acima de outra ponte, a Jamsu, formando assim uma ‘ponte de dois andares’. Mas, esta ponte é conhecida mesmo por ter a maior ‘fonte de ponte’ do mundo! São aproximadamente 10.000 luzes de LED funcionando em ambos os lados da ponte para iluminar os jatos de água que lançam 190 toneladas de água por minuto! A água da fonte é bombeada do próprio rio e é reciclada continuamente.

Ponte Banpo. Foto: Visit Korea.
Ponte Banpo. Foto: Visit Korea.

Com certeza, você que é dorameiro fiel já viu a Ponte Banpo em alguma cena dos dramas! (Mas nem tinha ideia!) Muitas cenas de dramas foram gravadas por lá!

Yanghwa Bridge:

“Meu pai era um taxista. Sempre que eu perguntava onde ele estava, ele respondia: na Ponte Yanghwa…” *canta*

É assim que Zion.T canta no primeiro verso da música ‘Yanghwa Bridge’! Com certeza eu visitaria a Ponte Yanghwa mais por causa dessa música, que é uma das minhas favoritas dele!

Ponte Yanghwa. Foto: The Korea Times.
Ponte Yanghwa. Foto: The Korea Times.

Ela liga os distritos de Mapo-gu (ao norte do rio) e Yeongdeungpo-gu (ao sul do rio). Ela é uma combinação de duas pontes: A Ponte antiga, chamada de ‘Segunda Ponte do Rio Han’, concluída em 1965, a primeira concluída com tecnologia coreana depois da independência em 1945. A nova ponte, é uma expansão que foi necessária devido ao aumento do tráfego de veículos. A obra começou em 1979 e foi concluída em Fevereiro de 1982. Passou por renovação em 1996 e 2010.

5. Visitar a Ilha Yeouido

É uma ilha do Han, e é considerada o centro financeiro de Seul. É a casa dos arranha-céus em Seul! Visto a sua importância como centro financeiro, órgãos importantes e multinacionais coreanas construíram seus prédios lá!

O mais conhecido é o ‘63 Square’ ou ‘Prédio 63’, com 250 metros de altura e uma estrutura dourada que chama a atenção! Quando o Sol se põe, um dos lados do prédio fica extremamente brilhante!

Prédio 63. Foto: Daron Dierkes. (Via: Wikipedia.)
Prédio 63. Foto: Daron Dierkes. (Via: Wikipedia.)

É a casa de muitas empresas coreanas! Começou a ser construído em 1980 e foi concluído em 1985.

A noite, os casais podem subir apreciando a vista nos ‘elevadores do amor’. São elevadores dedicados aos casais, que sobem para ir ao observatório do prédio. Também há restaurantes e um aquário.

Terminada a lista, agora vamos para as informações importantes e links úteis:

Rio Han:

Atendimento ao turista: 1330 (Disponível em coreano e mais três línguas estrangeiras: Inglês, Japonês e Chinês.)

Eventos: http://english.visitseoul.net (De vez em quando eles publicam os eventos por lá.)

Parques/ Pontes/ Yeouido:

http://english.visitkorea.or.kr

Até a próxima! 😉

A coluna KP TRAVEL é um oferecimento da Bluetour, a agência de viagens especializada em roteiros para a Coreia! Conheça um pouco mais das excelentes opções no site da Bluetour.


Disclaimer: As opiniões expressas em matérias traduzidas ou em colunas específicas pertencem aos autores orignais e não refletem necessariamente a opinião do KOREAPOST.



1 COMENTÁRIO

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome.