Via: JW Marriott Hotel Seoul

A inaccecibilidade à hotéis de luxo acaba de ser reduzida com o conceito de “hocance” – uma palavra composta da combinação de “hotel + vacations (férias)”, que se tornou uma das formas mais comuns dos coreanos desfrutarem de um tempo livre.

Mesmo que os hóspedes não pernoitem, os hotéis estão se transformando em um local onde os hóspedes podem passar algumas horas juntos fazendo refeições ou realizando reuniões.

Um número crescente de pessoas está visitando hotéis pela manhã com sua família ou conhecidos, aproveitando apenas o café da manhã e depois saindo.

Grand Intercontinental Seoul Parnas. Foto: CVent

O InterContinental Grand Seoul Parnas disse que uma pesquisa com clientes que não reservaram um quarto e desfrutaram apenas do café da manhã, nos últimos três meses, mostrou que esses clientes representavam 20% do total de visitantes.

A porcentagem deverá aumentar ainda mais em setembro, quando o número de hóspedes do hotel diminuir um pouco após a alta temporada de férias.

Analistas dizem que a mudança é causada pelo desaparecimento da percepção de que os hotéis são caros e não recebem visitantes que não planejam passar a noite.

JW Marriot. Foto: Condé Nast Traveller

A mudança também é atribuída à disseminação da cultura do “hocance”.

O número de pessoas que experimentam hotéis de luxo está aumentando gradualmente à medida que a notícia se espalha que os cafés da manhã do hotel não são apenas para os hóspedes.

Em particular, os hotéis estão se tornando um local popular para reuniões familiares de fim de semana, já que pode-se desfrutar de vários pratos no buffet noturno de um hotel de luxo, com preços normalmente em torno de 100.000 won (US$ 82.35).

Durante a semana, um número crescente de funcionários de escritório tem aporveitado o café da manhã do hotel, às vezes para reuniões de negócios.

Westin Chosun Hotel. Foto: Agoda

Os principais hotéis de luxo estão localizados em áreas comerciais como Gangnam e Gwanghwamun, tornando-os mais acessíveis.

O Lotte Hotel Seoul, o JW Marriott Hotel Seoul e outros grandes hotéis de luxo em Seul também têm uma média de 10% de clientes que vêm apenas para o café da manhã durante a semana e 20% nos fins de semana.

No caso do Westin Chosun Hotel em Seul, as vendas de café da manhã aumentaram 15 por cento ao ano no primeiro semestre deste ano, já que mais clientes vieram apenas para o café da manhã.


Disclaimer: As opiniões expressas em matérias traduzidas ou em colunas específicas pertencem aos autores orignais e não refletem necessariamente a opinião do KOREAPOST.



DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome.