Os modelos geralmente são associados com o brilho e o glamour, mas muitos também têm grandes corações. Shin Eun-jeong de 54 anos, uma modelo aposentada e agora diretora de uma agência de modelos, começou a fazer trabalho voluntário com outros modelos há alguns anos atrás.

Inicialmente, foi uma reunião social simples. “Quando éramos jovens, estávamos ocupados com nossas carreiras“, disse Shin Eun-jeong, diretora da K-SSOM. “Mas depois de casar e começar a construir família, ocorreu-nos que poderíamos estar fazendo algo mais significativo quando nos encontrávamos”.

Foi assim que começou o primeiro grupo de modelos voluntários da Coreia. O que começou como uma reunião de seis pessoas, cresceu para um grupo de 100 integrantes. A organização realizou uma cerimônia de lançamento em fevereiro. Em outubro passado, recebeu um certificado do Governo Metropolitano de Seul.

Shin Eun-jeong, terceira a partir da esquerda, com membros executivos da K-SSOM, um grupo voluntário de modelos, em sua cerimônia de lançamento em fevereiro. Foto: K-SSOM.

Até agora, o grupo tem trabalhado principalmente com os idosos em suas instalações – servindo-lhes refeições, limpando o local e levando-os em passeios.

No verão passado, nós os levamos para assistir ao filme Operation Chromite, pois muitos deles não conseguem sair frequentemente devido a limitações físicas. Eles estavam realmente felizes“, disse Shin.

Como a maioria de nossos integrantes são mulheres, tivemos dificuldade em empurrar as cadeiras de rodas, mas sentimo-nos ótimas ao vê-los curtindo um bom momento“.

Este ano, a K-SSOM planeja trabalhar mais com orfanatos e adolescentes. Em abril, o grupo visitou uma escola secundária para apresentar aos alunos as carreiras de modelagem e ensiná-las sobre a postura correta e maneiras de melhorar sua atratividade.

Os modelos disseram aos alunos, que estão em uma idade altamente autoconsciente, que a boa aparência não é apenas aplicar maquiagem e obter o penteado certo, mas também sobre a postura, gestos e expressões faciais. “Tivemos um  ótimo feedback dos estudantes, porque eles têm muito interesse neste campo“, disse Shin. “Foi mais significativo porque fomos capazes de prestar assistência aos alunos com base em nossas carreiras.”

A K-SSOM planeja continuar a conhecer os adolescentes para ajudá-los com a imagem corporal e questões de auto-estima.


Disclaimer: As opiniões expressas em matérias traduzidas ou em colunas específicas pertencem aos autores orignais e não refletem necessariamente a opinião do KOREAPOST.



DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome.