Junto com o K-pop e K-dramas, a comida sul-coreana atraiu um grande número de seguidores ao longo dos anos.

Embora tenha se tornado uma coisa natural hoje em dia encontrar comida sul-coreana fora da Coreia do Sul, em seu país de origem a comida de rua é normalmente encontrada em bunsikjap (lanchonetes), pojangmacha (barracas de rua) e mercados tradicionais.

10 Canais No Youtube Para Quem Ama Comida De Rua Coreana
Via: kajomag

Se você está procurando aventuras gastronômicas apenas para seus olhos, aqui estão 10 canais com foco em comida de rua coreana para assistir no YouTube:

1. ETTV

Quase todos os canais de comida de rua coreanos no YouTube são apenas vídeos de vendedores de comida preparando ingredientes e cozinhando.

Normalmente não há legendas ou explicações sobre o que está acontecendo ou notas sobre suas receitas, pois eles se concentram mais na ASMR (resposta sensorial autônoma do meridiano – algo que se tornou popular) de todo o processo.

Em um mundo de sobrecarga de informações, os vídeos ASMR de comida de rua coreana sendo preparada geraram milhões de visualizações.

A ETTV, por exemplo, tem pelo menos 1,33 milhões de assinantes. Enquanto isso, o vídeo mais popular do canal tem 28 milhões de visualizações.

O vídeo de 4 minutos e 33 segundos mostra como um vendedor de rua faz pão de queijo e ovo, uma comida de rua coreana popular, gyeran bbang, mas com queijo por cima. 

A ETTV também apresenta outras comidas de rua, como indiana, taiwanesa e tailandesa.

2. MUKKEBI Street Food

Já se passou algum tempo desde que o MUKKEBI Street Food atualizou seu canal pela última vez, mas ainda vale a pena assistir seu conteúdo “antigo”.

Com 286.000 inscritos, o canal oferece comida de rua coreana, como sundae.

Sundae é uma comida de rua popular na Coreia do Sul e do Norte. Para quem não sabe, o sundae é na verdade salsicha de sangue.

Geralmente é feito de uma mistura de carne, dangmyeon (macarrão de vidro) e vegetais recheados em intestinos de vaca ou porco cozidos no vapor.

Além disso, o MUKKEBI Street Food tem uma lista de reprodução com comida malaia.

Aqui você pode encontrar comida de rua da Malásia, como roti John, omelete de ostra frita e o bom e velho hambúrguer Ramly.

3. Yummyboy

Yummyboy se inscreveu no YouTube em 8 de dezembro de 2018 e agora tem 3,21 milhões de inscritos.

Seu vídeo mais popular, no entanto, é um vídeo de um vendedor ambulante tailandês em Chiang Mai habilmente descascando um coco com um facão e abrindo-o. Até agora, esse vídeo obteve 57 milhões de visualizações.

Enquanto isso, os vídeos de comida de rua coreana são divididos em listas de reprodução diferentes de acordo com seus respectivos locais.

Ao todo, há pelo menos 751 vídeos focados apenas na comida de rua coreana.

4. Soon Films

Afirmando ser um canal de comida que apresenta comida de rua deliciosa, Soon Films agora tem 651.000 inscritos.

Além da Coreia do Sul, o Soon Films oferece comida de rua do Vietnã, Tailândia, Japão, Malásia e Taiwan.

Para os amantes de morango, o canal tem uma playlist completa dedicada à comida de rua feita com morango.

Seu vídeo mais popular mostra como um chocolatier faz e embala chocolates habilmente em Bucheon, na Coreia do Sul.

Este vídeo sozinho tem 28 milhões de espectadores que o assistiram.

5. FoodieLand

Este canal do YouTube tem vídeos de culinária das ruas de Jeolla, Busan, Daejoon, Gangwon, Gyeonggi e Incheon.

Além disso, FoodieLand tem a afinidade de apresentar em seu canal comidas de rua baratas e vendedoras velhinhas.

Embora o canal tenha acabado de começar a fazer vídeos em 2020, o conteúdo parece promissor.

Ao todo, já reuniu 153 milhões de visualizações.

6. YumYum

Tteokbokki é uma comida de rua coreana popular feita de bolos de arroz cozidos com massa de peixe, cebolinha e ovos cozidos. O tempero mais comum é gochujang picante.

No canal YumYum, há muitos vídeos apresentando vendedores cozinhando tteokbokki. Ele até mostra aos telespectadores as melhores lojas de teteokbokki nas cidades de Seul, Busan e Daegu para visitar.

Além de tteokbokki, outras listas de reprodução do YumYum trazem vídeos de torradas, sundae, frutos do mar e sobremesa.

7. YummyYammy

Com 471.000 inscritos, este canal de comida de rua coreana já tem 141 milhões de visualizações desde seu início em novembro de 2019.

Ele oferece vários tipos de vídeos “Como eles fazem isso”, desde comida moderna como panqueca de suflê até o clássico kimbap.

Semelhante a outros YouTubers desta lista, YummyYammy divide seus vídeos de acordo com a localização.

Assim, é mais fácil para os espectadores que procuram o que comer em uma determinada cidade ou província da Coreia do Sul.

8. Food Kingdom

Além de mostrar como a comida de rua coreana é feita, o canal Food Kingdom oferece a 1,06 milhões de inscritos o que acontece nos bastidores das fábricas de alimentos.

Que tal dar uma olhada na maior fábrica de doces artesanais do mundo na ilha de Jeju?

Ou uma confeitaria coreana que produz sobremesas em massa como bolos de creme, rolinhos suíços e macaroons?

Se você é fascinado com a forma como os alimentos são feitos, este é definitivamente um canal para você.

9. FoodStory

É uma questão de tamanho e quantidade para este canal; quanto mais melhor.

FoodStory oferece conteúdo de vídeo de pessoas fazendo comida em grandes quantidades ou utensílios enormes. 

Você já viu uma grelha do tamanho de uma mesa de bilhar? Ou 1000kg de morangos transformados em bolos?

Você pode assistir a esses vídeos no FoodStory.

10. Healing Boy

Aqui está outro YouTuber coreano que é bastante novo, mas já obteve 4,2 milhões de visualizações no total.

Seu vídeo mais visto já atingiu 700.000 visualizações e apresenta outra famosa comida de rua coreana.

O vídeo mostra como os pés de porco são feitos e cozidos antes de chegarem aos clientes.


Disclaimer: As opiniões expressas em matérias traduzidas ou em colunas específicas pertencem aos autores orignais e não refletem necessariamente a opinião do KOREAPOST.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.