O frango frito coreano está se tornando mundialmente famoso, cativando o paladar de muitos no exterior. No entanto, em casa, o debate está agitado sobre o tamanho, sabor e mesmo ausência da suposta “coreanidade” do tão amado prato.

O frango coreano é algo para se orgulhar?
Potato Princess

O crítico de comida local, Hwang Kyo-ik, gerou debate ao reclamar do tamanho dos frangos fritos coreanos. Disse ser essa a razão deles dependerem tanto do molho, em vez da própria carne.

A Coreia é o único lugar no mundo onde frangos de corte são criados por apenas 30 dias e um peso de abate de 1,5 kg, afirmou o crítico, citando o Instituto Nacional de Ciência Pecuária.

“Algumas pessoas insistem que esses frangos pequenos são mais saborosos que os grandes. Eu me pergunto se eles já experimentaram frangos de corte pesando cerca de 3 kg”, Hwang em um post no Facebook no fim do mês passado.

Seus comentários foram logo criticados pela Associação de Aves da Coreia, que promove os interesses das granjas domésticas.

Embora reconheça que o frango frito local é pequeno comparado a outros países, a associação refutou que o sabor é muito afetado por isso. “É muito inapropriado Hwang argumentar como se a maioria dos frangos pequenos produzidos na Coreia e oferecidos nos restaurantes locais fossem ruins”, disse um funcionário da KPA.

A crítica de Hwang vem no momento em que o frango frito duplo, no estilo coreano, está desfrutando de popularidade global crescente, com muitas franquias de frango locais estabelecendo ou expandindo sua presença em territórios estrangeiros.

De acordo com uma pesquisa feita com 8.500 pessoas em 17 grandes cidades do mundo que experimentaram comida coreana, quase 30% dos entrevistados escolheram frango frito como seu prato coreano favorito. Bibimbap, um prato de arroz misturado com carne e vegetais, ficou em segundo lugar com 27,2%, seguido por tteokbokki, bolos de arroz com molho de pimenta vermelha, com 18%.

Bibimbap
Asenzya

A pesquisa foi conduzida pelo Instituto Coreano de Promoção de Alimentos com o Ministério da Agricultura, Comida e Assuntos Rurais entre agosto e setembro.

Sobre esse resultado, Hwang também tinha algo a dizer.

“Estamos realmente orgulhosos que o frango frito agora agora representa a comida coreana? Se o frango frito local for comida coreana, deve conter ingredientes tradicionais coreanos, mas não contém”.

Ao defender a falta de coreanidade no frango frito, ele também disse que pessoas ricas não comem frango, o que desencadeou outra rodada de debate entre os amantes desse prato.

Na sexta-feira, um presidente do enorme grupo chaebol da Coréia do Sul (grande conglomerado industrial que é administrado e controlado por uma família na Coreia do Sul) foi atraído para o debate.

Respondendo a uma pergunta em seu Instagram sobre se as pessoas chaebol realmente não comem frango frito, o presidente do grupo SK, Chey Tae-won, disse: “Eu sou uma ‘mania’ (torcedor fervoroso) do frango Kyochon”, referindo-se ao popular Rede coreana de frango frito.

Disclaimer

As opiniões expressas em matérias traduzidas ou em colunas específicas pertencem aos autores orignais e não refletem necessariamente a opinião do KOREAPOST.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.