O grande Festival de Cultura Real da Administração do Patrimônio Cultural realizou sua primeira cerimônia de abertura presencial em três anos, iluminando Gwanghwamun e apresentando uma performance em grande escala na Praça Heungnyemun, dentro do Palácio Gyeongbok, em 10 de maio.

O festival, que é organizado em conjunto pelo Palácio Real e Centro de Túmulos da Administração do Patrimônio Cultural e pela Fundação do Patrimônio Cultural da Coreia, tornou-se um festival bianual no ano passado. A edição de primavera deste ano começou na segunda semana do mês sob o tema “Narye e Yeonhui”, encerrando-se no dia 22. “Narye” refere-se ao rito destinado a afastar espíritos malignos e “Yeonhui” significa artes cênicas.

Festival da Cultura Real ilumina palácios por toda Seul
Via: Korea JoongAng Daily

Para garantir que essa pandemia não afete o globo novamente, uma versão moderna de um ritual da corte real para afastar os maus espíritos e convidar a boa sorte, conhecido como Gunahaeng, que é baseado em um poema escrito pelo estudioso Yi Saek da dinastia Goryeo ( 918-1392), foi realizado.

Até 22 de maio, um total de 34 programas foram realizados em cinco palácios no centro de Seul, bem como no Santuário de Jongmyo.

O popular programa de meditação “Simkung, Shuimgung” esteve de volta este ano em todos os cinco palácios. Os visitantes tiveram a oportunidade de desfrutar da experiência única de meditar em um tapete de ioga em gramados bem cuidados dentro dos palácios, enquanto desfrutavam da brisa fresca da primavera (dependendo do clima). O programa exige que você reserve um assento, mas você pode participar da meditação no local se levar seu próprio tapete.

Se você gostaria de participar de um desfile, Gunahaeng é para você. Diferentes apresentações tradicionais de arte de rua, como gilnori, pannori e a dança do tigre, foram combinadas com música eletrônica. O desfile começou às 11h30 no Palácio Gyeonghui em 20 de maio, ao meio-dia de 21 de maio no Palácio Deoksu e às 12h30 em 22 de maio no Palácio Changgyeong. O desfile durou uma hora.

Para aqueles que ainda hesitam em estar em multidões, o festival organizou cinco programas online. O artista apresentado no “Palace Beloved by an Artist” é o violista Richard Yongjae O’Neill. O’Neill foi gravado tocando “Du bist die Ruh, D776” de Schubert no Jibokjae Hall do Gyeongbok Palace e o vídeo foi lançado em 10 de maio no YouTube e site oficial do festival.

Festival da Cultura Real ilumina palácios por toda Seul
Via: Korea JoongAng Daily

Ao contrário das edições anteriores durante a pandemia, muitos programas puderam ser apreciados sem reservas, embora para alguns ainda seja obrigatório. Para mais informações, visite www.royalculturefestival.org.

Disclaimer

As opiniões expressas em matérias traduzidas ou em colunas específicas pertencem aos autores orignais e não refletem necessariamente a opinião do KOREAPOST.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.