Olá leitores! O KoreaPost tem como objetivo levar até vocês um pouco sobre cultura, diversão e conhecimento sobre a Coreia.

Para isso, em breve lançaremos uma nova coluna quinzenal cuja proposta é mostrar para vocês um pouco da história da península coreana. Aqui iremos remontar desde o início da história dos três reinos, com a influência da China antiga e do confucionismo (que moldou a modo de viver e governar de muitos países da Ásia, inclusive da nossa querida Coreia do Sul), até a história mais contemporânea.

Aprender sobre a história da Coreia irá nos ajudar a compreender melhor o modo como os coreanos veem o mundo, principalmente os mais velhos.

A coluna será escrita por dois colunistas, o Charles Martins e eu, Carol Monteiro. Para dar início, iremos começar com uma introdução básica sobre a península coreana, mas lembrando – nenhum de nós é especialista em história coreana, ok? Iremos fazer nossa coluna baseada em artigos e livros que falam sobre o assunto. Dito disso, começamos com um pequeno resumo do que está por vir.

A Coreia é um país peninsular que se encontra no nordeste do continente asiático. Após o fim da II Guerra Mundial, o seu território foi dividido em dois e com isso nasceram a República Popular Democrática da Coreia e a República da Coreia, popularmente conhecidas como Coreia do Norte e Coreia do Sul, respectivamente. Essa península é delimitada ao norte pela China e pela Rússia, ao leste e ao sul pelo Japão e suas ilhas.

Foto: Shutterstock
Foto: Shutterstock

Diferente do que muitos pensam, os coreanos são etnicamente e linguisticamente distintos dos chineses (o que não quer dizer que eles não sofreram influências desse idioma. Os coreanos vieram do ramo Tungsic da raça mongol. Sua linguagem está ligada a família das línguas altaicas, que incluí idiomas como o turco, mongol e o japonês. Mas, como dito anteriormente, a cultura chinesa teve um profundo impacto na Coreia. Até os dias atuais encontramos elementos chineses na cultura coreana, que são o resultado da emulação do povo coreano na cultura chinesa.

Além disso, vários artefatos descobertos na Coreia indicam que existiam serem humanos habitando a península a 500.00 A.C., porém, é prematuro supor que esses habitantes são os ancestrais dos atuais coreanos. Entretanto, a maioria dos arqueólogos concordam que os povos semi-nômades, de cerca de 3.000 A.C, constituem o ramo principal da raça identificada, atualmente, como coreana.

A história coreana se inicia com o primeiro estado coreano, por isso, no próximo post, iremos falar sobre a Dinastia Joseon, que também é conhecida como Choson, para evitar confusão com a dinastia do século XIV.

Texto autoral baseado em pesquisas no livro “A Brief History of Korea – Young Ick Lew”.


Disclaimer: As opiniões expressas em matérias traduzidas ou em colunas específicas pertencem aos autores orignais e não refletem necessariamente a opinião do KOREAPOST.



2 COMENTÁRIOS

  1. Olá Carol, sou estudante de arquitetura no Rio de Janeiro. Estive na Korea em maio e resolvi fazer de lá o meu TFG, pois me apaixonei pela área da fronteira. Estou trabalhando num ponte, a unification bridge. Mas estou tento dificuldades de encontrar mapas e dados daquela região, além de bibliografia sobre a história do país. Vc teria como me ajudar? Obrigada, Monica Khalil

    • Olá Monica,
      Então, sobre a história vc quer algo mais recente ou algo mais antigo? Se mais antigo, tem esse livro que estou usando como base para a coluna… Se mais recente (Guerra da Coreia pra ca) eu tenho vários artigos. Sobre mapa… Vc quer da area de fronteira entre as Coreias, correto? Hum, me manda um e-mail que eu posso ver se tenho esses mapas. Mas talvez fosse bom vc tbm falar com a Marcela, que tem a coluna de geopolítica aqui no KP. Meu e-mail: carolmonnteiro@hotmail.com

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome.