Toquem os sinos, preparem os presentes e pendure as guirlandas pois é finalmente aquela época do ano. É Natal!

Neve, uma lareira quentinha, em cima do robusto pinheiro brilhante uma estrela ilumina a sala de estar e uma maravilhosa ceia posta à mesa. Ir dormir esperando a visita do bom velhinho e acordar bem cedinho para abrir os presentes. Quem nunca imaginou um Natal assim?

Foto: Pinterest

O Natal é uma festividade mundialmente celebrada, e embora o feriado seja o mesmo, a maneira como se comemora muda de acordo com o país. Temos familiaridade com o Natal Ocidental e podemos ver através das músicas e dramas algumas festividades coreanas nessa época do ano, porém muitas vezes elas representam o “Natal Ideal” e não o “Natal Real”. Então como é o Natal na Coreia?

Decorações de Natal. Foto: Koogle

Na época natalina as ruas coreanas se enchem de brilho e luz com as decorações de natal, os pisca-pisca e as belas Estrelas de Belém. Diferente do Brasil, na Coreia as lojas não fecham no Natal, pois, por se um feriado muito movimentado, elas aproveitam para decorar o local de modo que atraia o maior número de clientes.

Centro de Seul. Foto: apinoyinkorea.blogspot.com

Outro fator bem diferente do Natal Ocidental é que o Natal coreano também é considerado um feriado romântico, não se comemorando com familiares, mas sim em casais ou em grupos de amigos. A Coreia é bem conhecida por ter muitos feriados dedicados aos casais. É muito comum passar o Natal com a sua cara-metade. E aqueles que passarão um Solo Christmas (솔로 크리스마스 – comemorar o Natal sem um namorado/namorada) podem se reunir com os amigos para uma bebida.

É muito comum entre os coreanos ir à um restaurante e apreciar a culinária ocidental. Porém a maioria prefere as comidas tradicionais como o Japchae 잡채 (macarrão de batata doce), Tteokguk 떡국 (sopa de massa de arroz), Bulgogi 불고기 (carne doce) e Kimchi 김치. Assim como no Brasil temos a tradição de ter peru como um dos pratos principais, na Coreia a tradição é comer o Bolo de Natal (크리스마스 케이크).

Foto: ko.favy.com

Para as crianças o 산타 할아버지 (Santa Harabeoji – Papai Noel) está garantido na noite de Natal. Algumas lojas fazem apresentações natalinas com a presença do Papai Noel e seus duendes e algumas vezes (na falta de um Papai Noel) as apresentações são feitas com a 산타 할머니 (Santa Halmeoni – Mamãe Noel) para promover seus produtos.

Foto: Koreatimes

O Natal, para a maioria dos coreanos, significa tempo de paz e alegria, tempo de apreciar a companhia do seu amado(a); familiares e amigos, tempo de presentear e de apreciar as belas decorações. Porém para os cristãos o Natal também tem outro sentido. Dos 46.5% da população religiosa do país, 40.8% é cristã. O Natal cristão se resume em celebrar a vida de Jesus Cristo como Deus e Salvador. A maioria dos cristãos, na véspera de Natal, se reúne em suas respectivas Igrejas e celebram a data com um culto/missa de Ação de Graças e uma ceia modesta.

Na indústria de entretenimento filmes natalinos passam constantemente nas telinhas, e os grupos musicais fazem apresentações especiais com músicas clássicas de natal e alguns hits inéditos. Como por exemplo o mais novo single “The Best Thing I Ever Did” do KPOP girl group TWICE (트와이스).

E o filme Christmas in August (8월의 크리스마스) , considerado grande clássico e muito aclamado pela crítica.

Então, para você seria divertido passar as festas de fim de ano na Coreia do Sul? Esperamos que tenham tido um belíssimo ano. Boas Festas!


Disclaimer: As opiniões expressas em matérias traduzidas ou em colunas específicas pertencem aos autores orignais e não refletem necessariamente a opinião do KOREAPOST.



DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome.