Fonte: Yonhap

Após uma rígida imposição de regras de distanciamento social ocasionada pelo recente aumento de casos de COVID-19 na Coreia do Sul, as pessoas agora estão produzindo cada vez mais lixo plástico.

O Ministério do Meio Ambiente aprovou temporariamente o uso de materiais descartáveis ​​em restaurantes, cafés e redes de fast food em aeroportos e estações de trem em fevereiro para evitar o uso de produtos não descartáveis, ​​que são mais propensos a propagarem o vírus.

Como as pessoas passam mais tempo em casa, a quantidade de materiais descartáveis ​​usados ​​para compras online ou entregas de comida também está aumentando. Isso ocasiona o que o país chama de segunda onda da “crise do lixo”.

Fonte: APAS Show

Além disso, clientes que pedem copos de plástico em cafés têm medo de usar copos não descartáveis ​​devido ao risco de infecção. “Eu simplesmente não consigo acreditar que eles tenham tempo suficiente para manter as canecas limpas durante a hora do almoço, que é provavelmente o horário mais movimentado para eles”, disse um funcionário de escritório local. “Eu me sinto mais seguro apenas usando copos plásticos”.

Os especialistas, no entanto, argumentam que os copos plásticos e outros produtos descartáveis ​​não são necessariamente “mais limpos” do que os não descartáveis. “O risco de infecção em restaurantes é mais arriscado ao usar maçanetas, mesas e outros itens compartilhados que não são limpos regularmente. Copos e pratos são menos arriscados”, disse o Dr. Choo Hye-in, do Hospital da Universidade Nacional de Seul. “Copos e pratos devidamente enxaguados e secos têm quase zero de chance de espalhar o vírus”, esclareceu.


Disclaimer: As opiniões expressas em matérias traduzidas ou em colunas específicas pertencem aos autores orignais e não refletem necessariamente a opinião do KOREAPOST.

 



DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome.