Com influência na onda do hallyu, aumentaram os interesses dos brasileiros em relação à Coreia. Começou pelo K-pop e agora começa a mostrar interesses sobre a história e os costumes da Coreia. Mas, estando do outro lado do mundo, não é uma tarefa fácil.

Há muitos blogs publicando assuntos relacionados à Coreia, mas a maioria está focada no K-Pop, que deixa um pouco à desejar. No entanto, uma coreana que atualmente mora no Brasil, atraiu a atenção dos brasileiros, divulgando variedade de informações sobre a Coreia.

A coreana Hye Mi (Carol Lee), proprietária do site Koreapost (www.koreapost.com.br), page no facebook e outras redes sociais, emigrou para o Brasil com seus pais, aos 4 anos de idade. Estudou do ensino médio até a faculdade, e se esforçou para não esquecer o idioma coreano, possuindo habilidades fluentes.

Carol Lee - Koreapost

Convivendo com alunos que estudam a língua, recebe várias perguntas em relação a Coreia. Alguns dos exemplos, a música do cantor PSY “Gangnam Style”, o significado de Gangnam e o porque na Coreia possui o costume de dormir no chão, ainda várias questões relacionados a história da Coreia.

Então, para poder divulgar a Coreia de uma maneira correta para todo o Brasil, iniciou suas atividades inaugurando o site Koreapost. Ela divulgou informações que não tinham acesso em outros blogs de Kpop, e logo obteve resultado, pois muitos brasileiros encontravam respostas em seu site. Escreveu um artigo falando sobre a cultura de “ondol – forma de aquecimento” da Coreia para os brasileiros, este artigo recebeu reações calorosas.

Ela continuou com a história da Coreia, contos de fadas e costumes, escreveu sobre a tradição com artigos relacionados espontaneamente escritos pelos povos locais que se interessam pela Coreia, e aumentou a popularidade da Koreapost.

Sua atividade em divulgar à Coreia não parou somente nos textos. Juntou grupos de alunos brasileiros para ensinar gratuitamente a dança tradicional coreana, no Instituto de Dança Bu Tche Tchum (professora Shin Young Ok).

Carol Lee - Koreapost 1

E juntamente com o diretor do Centro da Educação Coreana de São Paulo, reuniu um grupo de estudantes interessados nas empresas coreanas para conhecer a Hyundai, em Piracicaba. Além disso, para facilitar o acesso dos brasileiros publicou uma matéria sobre os problemas do Consulado Geral da República da Coreia, que resultou na melhoria de atendimento do local.

Porém, vida dela não é fácil. No momento, trabalha em uma empresa de comércio exterior para sobreviver, cria os seus dois filhos sozinhos, ainda divide seus horários para estudar sobre a Coreia e para fazer alguns trabalhos de tradução. Após sua imigração, nunca voltou à Coreia, e às vezes isso acaba dificultando em suas atividades.

Quando o Koreapost conquistou o seu espaço, o ex-assistente parlamentar Kim Bruno, ofereceu sua ajuda para o crescimento do site. E graças à ajuda dos leitores de todo o Brasil, ela não desistiu de divulgar sobre a Coreia. Está trabalhando para poder realizar o primeiro evento de cultura coreana, no Rio Grande do Sul.

Carol Lee Na Hyundai

Mantém a amizade com blogueiros de kpop, participa de vários eventos de hallyu, e sempre que está fazendo o possível para ajudar e fortalecer sua amizade. Convidou alguns brasileiros à sua casa, para lhes ensinar receitas da culinária coreana, e com a ajuda do salão de beleza, deu palestras sobre a maquiagem oriental.

Mesmo nunca ter voltado à Coreia durantes esses 30 anos, a Hye Mi (Carol Lee) tem muito orgulho de ser coreana, e mesmo ocupada divide o seu tempo para divulgar informações sobre a Coreia, no outro lado do mundo.

“Se a Coreia demonstrasse um pouco de interesse e ajudar, acredito que podemos divulgar assuntos mais variados sobre a Coreia para os brasileiros. Por menor que seja, qualquer ajuda é válida. Gostaria realmente que muitas pessoas se interessassem pelo Koreapost.”, terminou a entrevista.

(Fonte: DongPo News)


Disclaimer: As opiniões expressas em matérias traduzidas ou em colunas específicas pertencem aos autores orignais e não refletem necessariamente a opinião do KOREAPOST.

1 COMENTÁRIO

  1. Que entrevista linda sobre a Carol Lee!*_*

    Tenho muito orgulho de ser amiga dessa guerreira e a admiro mais quanto mais a conheço, sei que não é fácil estar tão longe das origens e ao mesmo tempo trazer para perto de nós essa cultura tão linda que descobrimos ao ler o KoreaPost. Muita coisa boa aconteceu na minha vida através desse site e sempre que dá estou por aqui lendo, escrevendo e apoiando, porque é uma prazer lutar por essa causa, e que mais coreanos se juntem a nós, para podermos divulgar ainda mais a cultura coreana.
    Ainda estou aprendendo, mas quem sabe um dia coloco meus pés na Coréia eim?! Desejo que a onni Carol também volte lá, e traga mais novidades nós!
    Enfim, parabéns para Carol Lee e para todos que fazem do KoreaPost um sucesso a cada dia!!! Bju Família!

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.