Mais conhecido como o cenário da popular e clássica história de amor coreana “Chunhyangjeon“, o Gwanghalluwon Garden é o lar de uma bela arquitetura e paisagem natural com lago, árvores e uma icônica ponte de pedra.

Gwanghalluwon, o antigo jardim da história de amor de Chunhyang
Via: The Korea Herald
Gwanghalluwon, o antigo jardim da história de amor de Chunhyang
Via: The Korea Herald

Localizado em Namwon, província de Jeolla do Norte, o jardim foi construído por Hwang Hui, um político famoso durante o reinado do rei Sejong da Dinastia Joseon.

Gwanghalluwon, o antigo jardim da história de amor de Chunhyang
Via: The Korea Herald
Gwanghalluwon, o antigo jardim da história de amor de Chunhyang
Via: The Korea Herald

Hwang Hui primeiro montou um pavilhão, que foi originalmente denominado como Pavilhão Gwangtongnu em 1419. Mais tarde, em 1444, o governador Jeong In-ji renomeou o jardim como “Gwanghallu”, comparando-o ao jardim de um palácio imaginário na lua por sua beleza excepcional.

Gwanghalluwon, o antigo jardim da história de amor de Chunhyang
Via: The Korea Herald
Gwanghalluwon, o antigo jardim da história de amor de Chunhyang
Via: The Korea Herald

Designado como Tesouro No. 281, o jardim é cercado por muitas atrações tradicionais diferentes, incluindo a ponte Ojakgyo, cenário para outra famosa história de amor coreana de Gyeonu e Jiknyeo, da história tradicional de Chilseok, bem como o Pavilhão Wanwoljeong e a Casa de Wolmae.

Gwanghalluwon, o antigo jardim da história de amor de Chunhyang
Via: The Korea Herald
Gwanghalluwon, o antigo jardim da história de amor de Chunhyang
Via: The Korea Herald
Gwanghalluwon, o antigo jardim da história de amor de Chunhyang
Via: The Korea Herald

O Festival Chunhyangjae, que celebra o amor entre Chunhyang e Lee Mong-ryong, ocorre anualmente em Gwanghalluwon. Desde 1931, o jardim é o palco do festival em todas as primaveras, espalhando a famosa história de amor entre os visitantes por meio de experiências práticas e apresentações relacionadas.


Disclaimer: As opiniões expressas em matérias traduzidas ou em colunas específicas pertencem aos autores orignais e não refletem necessariamente a opinião do KOREAPOST.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome.

18 + quinze =

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.