Irene Kim não se compromete. Recebeu a oferta de um trabalho de modelo dos sonhos quando tinha 15 anos, mas a coreana-americana quebrou o contrato, quando a agência insistiu que ela deveria passar por uma pequena cirurgia plástica. Ela preferiu trilhar seu caminho até o topo, através da esgotante indústria da moda, em seus próprios termos. Disseram à ela que pintar seu próprio cabelo iria arruinar sua carreira, mas Irene fez isso do mesmo jeito, e seus cabelos de cor escarlate se tornaram sua marca registrada, inspirando muitas pessoas à imita-la.

Minha mãe sempre disse que ‘se você está feliz, você está confiante, e se você está confiante, você é linda“, conta Irene, que cresceu em Seattle, mas se mudou para a Coreia do Sul em sua adolescência. “Eu sempre tive essa mentalidade de ser positiva e confiante em tudo o que faço.

Hoje isso significa modelar para a Chanel e Calvin Klein, patrocinando populares programas de televisão de moda sul-coreanos e que, desde o ano passado, vem trabalhando como consultora da “Estée Lauder” ao lado de Kendall Jenner. É uma ascensão meteórica para uma pessoa de 28 anos de idade e que só começou nas passarelas há três anos, mas que agora abre novos caminhos para as mulheres asiáticas na moda.

A individualidade de Irene, combinada com a sua energia positiva, sua incrível ética de trabalho e a capacidade de comunicar a beleza de uma forma atrativa em todas as mídias sociais fez dela um membro influente da comunidade global de beleza“, diz Sarah Creal, chefe de iniciativas de parcerias globais para a “Estée Lauder“.

Conheça Irene Kim, A Nova Face Do Mundo Fashion
Irene kim. Foto: time.

A chave para o sucesso de Irene é a sua presença perspicaz nas mídias sociais. Graduada no prestigiado Instituto Fashion de Tecnologia, em Nova York, ela tem 755 mil seguidores no Instagram. Eva Chen, diretora de parcerias de moda para o Instagram, diz que Irene é parte de uma nova geração de personalidades da moda. “Em vez de ter uma mentalidade de ‘você não pode sentar-se conosco’, eles convidam os seus milhões de fãs para se sentarem junto deles através de suas postagens“, diz Chen.

Ir contra o brilho proveniente da indústria, é especialmente pertinente na Coreia do Sul, que tem a infeliz distinção de ser tanto a capital mundial das cirurgias estéticas, quanto a do suicídio entre adolescentes. Sendo bombardeados diariamente com imagens de estrelas do K-pop perfeitamente arrumadas e magérrimas, pode ser prejudicial para a auto-estima dos adolescentes, e Irene espera que suas inspiradoras e honestas fotos instantâneas, ajudem os jovens a manterem sua beleza em perspectiva.

É sobre ser você mesmo e amar a si mesmo“, diz ela. “Existiram várias vezes em que as pessoas disseram que eu não poderia ser o que eu sou agora – ou que eu estava muito velha, ou que eu não tinha a estrutura tradicional do rosto asiático. Mas eu fiz o que eu queria fazer“.

Irene está agora usando todas essas qualidades para desenvolver uma plataforma de conteúdo digital para pessoas criativas, e pode até mesmo lançar sua própria linha de roupas. O que quer que venha a seguir, você pode apostar que será puramente, intransigentemente, Irene.


Disclaimer: As opiniões expressas em matérias traduzidas ou em colunas específicas pertencem aos autores orignais e não refletem necessariamente a opinião do KOREAPOST.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.