A influência de estudantes universitários veganos está começando a se manifestar em lanches distribuídos em eventos organizados por conselhos de estudantes e outras organizações para aqueles que se preparam para os exames finais.

O conselho estudantil da Ewha Womans University preparou e providenciou 240 porções de leite de amêndoa e balas de glicose sem lactose na sexta-feira em consideração aos estudantes vegetarianos.

Enquanto isso, o conselho estudantil da Sookmyung Women’s University entregou 400 lanches veganos e 200 lanches “regulares” para os alunos nos dias 3 e 4 de dezembro.

Além disso, o conselho estudantil da  Sungkonghoe University chamou a atenção, oferecendo aos alunos lanches veganos, como sanduíches, preparados em consideração àqueles que não comem produtos de origem animal, como carne, produtos marinhos e laticínios.

Os alunos que tiveram um breve encontro com comida vegetariana, talvez sem pretender fazê-lo, responderam que apreciaram a experiência.

Não existem muitos restaurantes na escola para veganos“, disse um estudante universitário. “Através deste evento, fomos capazes de simpatizar com a inconveniência e as dificuldades que os veganos costumam experimentar“.

Foto: Okonomi Kitchen

Especialistas sugerem que a disseminação da cultura do “lanche vegano” na comunidade universitária é o resultado de um número crescente de estudantes veganos e do crescente esforço para respeitar vários valores, como os direitos dos animais.

Lee Won-bok, diretor da União Vegetariana da Coreia, disse: “A mudança que vemos nos campi das universidades é uma indicação de respeito pelas crenças e opiniões individuais e garante aos estudantes o direito de escolher o que querem comer“.

Espero que nossa sociedade compreenda e respeite completamente várias crenças e valores, afastando-se de atitudes coercitivas, como ‘você tem que comer o que recebe‘”, acrescentou Lee.

No entanto, algumas pessoas ficaram menos empolgadas com os lanches veganos.

Um estudante universitário que se identificou como não-vegano disse: “Pelo que sei, não há muitos veganos na escola, e acho que o conselho estudantil exagerou nos lanches veganos


Disclaimer: As opiniões expressas em matérias traduzidas ou em colunas específicas pertencem aos autores orignais e não refletem necessariamente a opinião do KOREAPOST.



DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome.