Hoje já é dia 15 de Agosto na Coreia. Este dia, marca o 72º aniversário da libertação da Coréia do domínio do Japão.

Para aqueles que procuram celebrar o feriado nacional com música e apresentações, inúmeros eventos foram organizados de graça em toda a cidade de Seul, desde concertos de música clássica na Praça Gwanghwamun até jogos realizados dentro do Seodaemun Prison History Hall.

Eventos Inde - 2

Desde 2005, a Orquestra Filarmônica de Seul (OFS) tem realizado um show comemorativo a cada 15 de agosto dentro do Sejong Center for Performing Arts ou na praça Gwanghwamun. O programa deste ano incluiu uma apresentação de “Arirang”, a música popular nacional comumente desenvolvida para expressar o patriotismo em tais ocasiões.

O “Arirang” que a Filarmônica de Seul realizou hoje na Praça Gwanghwamun é uma versão rearranjada pelo compositor Texu Kim. Sob o bastão maestro associado da OFS, Choi Soo-Yeoul, a orquestra também interpretou o “Concerto para Violino nº 1 de Bruch” em SOL (G) menor, Op. 26, 3º movimento, Reak fur großes Orchester” de Isang Yun, “Intermezzo de Cavalleria Rusticana” de Mascagni e Sinfonia nº 1 de Brahms em DÓ (C) menor, Op. 68, 4º movimento”.

Eventos Inde - 3Também foi apresentado um samulnori, que é uma performance tradicional de percussão coreana, intitulada “Madang“, composta por Kang Jun-il para a orquestra. O show começou às 20h (08h da amanhã aqui no Brasil) na praça Gwanghwamun e foram oferecidos 10.00 lugares. Antes do concerto, houve apresentações dos coros da 416 Family Chorus e Seoul Metropolitan Junior Chorus, às 19h (07h do Brasil).

Outra interpretação clássica de “Arirang” foi realizada nas proximidades no Museu Nacional de História Contemporânea Coreana. O renomado compositor de trilha sonoras para filmes coreanos Lee Ji-soo, que trabalhou em vários filmes, incluindo “Old Boy” (2003), “Architecture 101” (2012) e outros, tocou em conjunto com o grupo de música clássica do museu. Intitulado “Arirang Concertante”, este arranjo musical é a mesma versão que Lee interpretou com a Orquestra Sinfônica de Londres em 2015. O programa também inclui algumas das populares composições para filmes de Lee. O show começou às 14h (2 da manhã no Brasil) da tarde, e também foi aberto ao público.

Eventos Inde - 1Adicionando mais patriotismo à programação, um musical, que está atualmente sendo encenado, conta a história da resistência e as lutas diárias daqueles que sofreram durante a colonização japonesa na Coreia. Também intitulado “Arirang”, o musical está sendo apresentado às 20h da noite e às 14h da tarde, todos os dias da semana e, às 18h30 da tarde, durante os fins de semana, no Teatro de Ópera do Centro de Artes de Seul, localizado à sul da capital. Ele é dirigido pelo notável dramaturgo coreano Ko Seon-woong e o elenco inclui Ahn Jae-wook, Yoon Gong-joo e Kim Seong-nyeo.

Para dar ainda mais significado à uma performance histórica, que traz de volta à vida um evento de 72 anos atrás, o Seodaemun Prison History Hall localizado no centro de Seul é o melhor local. A localização em si é especialmente significativa para o Dia da Libertação, pois este espaço costumava ser uma prisão para ativistas coreanos, no período colonial japonês. Hoje, o professor de história da Universidade Sangmyung, Ju Jin-oh, e o poeta Kim Eung-gyo, realizaram uma performance sobre a resistência e a vida sob o domínio japonês. Nesta mesma oportunidade, também houve música apresentada pelo maestro Kim Hyun-soo e a Orquestra Zion.


Disclaimer: As opiniões expressas em matérias traduzidas ou em colunas específicas pertencem aos autores orignais e não refletem necessariamente a opinião do KOREAPOST.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.