O número de estudantes estrangeiros frequentando escolas na Coreia do Sul chegou ao marco expressivo de 120.000 alunos pela primeira vez em setembro deste ano, de acordo com o ministro da justiça.

O mês de setembro fechou com cerca de 122.082 alunos, cerca de 3,8 por cento a mais que o mês anterior e 19,6 por cento a mais que o mesmo período do ano anterior.

Estudantes estrangeiros na Coreia do Sul esperam uma oportunidade de entrevista de emprego durante a Feira de Empregos para Estudantes Internacionais de 2016 em um Centro de Convenções em Seul no dia 6 de outubro de 2016. (imagem: Yonhap)
Estudantes estrangeiros na Coreia do Sul esperam uma oportunidade de entrevista de emprego durante a Feira de Empregos para Estudantes Internacionais de 2016 em um Centro de Convenções em Seul no dia 6 de outubro de 2016. (imagem: Yonhap)

A China ficou no topo da lista de países com maior número de estudantes que foram para a Coreia, cerca de 70.508 ou 58 por cento, seguido do Vietnã com 13.004, Mongolia com 5.814, Japão com 2.773, Uzbekistão com 2.232 e Estados Unidos com 1.672 estudantes.

Em termos razões para permanência, o estudo da língua coreana correspondem a 36.597 estudantes e formação em línguas estrangeiras, 12 alunos.

Durante o mês mencionado, o número de residentes estrangeiros subiu 2,3 por cento em relação ao mês anterior, para 2,03 milhões.


Disclaimer: As opiniões expressas em matérias traduzidas ou em colunas específicas pertencem aos autores orignais e não refletem necessariamente a opinião do KOREAPOST.



DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome.