Uma pesquisa mostrou que a maioria dos pais coreanos tentam ensinar Inglês aos filhos, e que para isso, voltam a estudar o idioma.

De acordo com um levantamento feito com 527 pais pelo instituto privado de ensino de inglês Yoons, 87,7% deles disseram que tentaram ensinar aos seus próprios filhos a Língua Inglesa.

A maioria, ou 69,3%, preferem utilizar materiais como pacotes de karaokê (sing-along packages). 66,7% se utilizam de aplicativos para celular ou tablets ou animação. 53,9% com cartões de palavras e livros de Inglês, 46,1% com kits de ensino e 30,7% com brinquedos relacionados com o Inglês. Várias opções foram citadas.

Modelos demonstram os kits educacionais para aprender Inglês durante a The Educare na sua exebição em Seul em Abril. (Yonhap)
Modelos demonstram os kits educacionais para aprender Inglês durante a The Educare na sua exebição em Seul em Abril. (Yonhap)

Dentre aqueles que ensinam os seus próprios filhos, 53,9% disseram que estavam estudando a língua. Eles estudam 36 minutos em média por dia, gastando uma média de R$ 146,25 por mês.

Entre eles, 86,4% também disseram que estavam estressados com isso, principalmente devido a sua própria falta de habilidades com a língua inglesa (54,4%).

Outras razões para se sentirem estressados incluí não  saber como ensinar bem (47,1%), falta de tempo (35,3%), má pronúncia do Inglês (32,2%) e os conflitos com as crianças, durante as aulas (23,6 %). 28,1% dos pais disseram que sentiam que poderiam ensinar as crianças em seu primeiro ou segundo ano do ensino fundamental.

Quase dois terços disseram que estavam ensinando seus próprios filhos para reduzir os custos de matrícula.


Disclaimer: As opiniões expressas em matérias traduzidas ou em colunas específicas pertencem aos autores orignais e não refletem necessariamente a opinião do KOREAPOST.



DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome.