Winner volta com novo álbum Cross Reprodução: Vlive

O Winner está apresentando crescimento artístico e pessoal em seu terceiro EP, “Cross”.

O álbum, lançado no dia 23/10, vem apenas cinco meses após o EP “WE”, enquanto o grupo cumpre a promessa aos fãs de que lançariam dois álbuns este ano.

Como o título sugere sutilmente, o grupo canta junto, mas também separadamente, no álbum repleto de faixas cruzadas.

A música principal é “Soso” – uma faixa que o grupo espera que possa incentivar as pessoas a serem mais fiéis aos seus sentimentos, em vez de suprimi-los.

Enquanto “Soso” significa “não muito bom, mas não muito ruim” pela definição do dicionário, os colegas de banda queriam aproveitar a experiência comum de agir bem quando, na verdade, as pessoas não estão.

Quando lhe perguntam se você está bem, tenho certeza de que as pessoas apenas dizem que ‘sim’, mesmo que elas não estejam realmente indo bem“, disse Seung-yoon.

Embora a letra pareça legal, o arranjo de várias camadas (da música) tenta refletir as mudanças de humor. A música tem um toque”, acrescentou.

Da esquerda para direita, Seunghoon, Jinu, Seungyoon e Mino Reprodução: YG Entertainment

Independente da forma como a letra seja cantada, quero que os ouvintes falem e tirem as coisas do peito na vida“, Jinu ecoou um sentimento semelhante durante o evento.

Fazendo uma analogia com as estações, apesar de muitas pessoas associarem o grupo ao verão, o Winner é realmente mais adequado ao outono, disse Mino.

Coincidindo com a data de lançamento no final de outubro, ele esperava que o ato de quatro peças ajudasse os fãs a vencer o sentimento de solidão do outono com o novo álbum.

Com alguns integrantes prestes a completar 30 anos e com o alistamento militar nos próximos anos, o grupo trabalhou no último álbum com um senso de seriedade.

Podemos não ser capazes de ver os fãs tanto e talvez façamos  pausa também no futuro. Com isso em mente, e porque eu queria fazer o meu melhor até o final, trabalhamos no álbum, nos shows e nas letras com uma atitude genuína e prestamos muita atenção”, disse Seung-hoon.

Quando perguntado sobre a necessidade de se juntar às forças armadas no próximo ano, Jinu, que é o mais velho do grupo, disse que não será o fim do grupo.

Continuaremos trabalhando individualmente. Planejamos dar aos fãs mais coisas para ficarem ansiosos”, disse ele.

Seung-hoon também garantiu aos fãs, que deseja seguir os passos do grupo Super Junior.

Mesmo depois do nosso tempo nas forças armadas, adoraríamos continuar a fazer boa música e a se apresentar no palco como um grupo como o Super Junior sunbaenim (vetenano).”


Disclaimer: As opiniões expressas em matérias traduzidas ou em colunas específicas pertencem aos autores orignais e não refletem necessariamente a opinião do KOREAPOST.



DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome.