O Dia da Libertação Nacional da Coreia (também conhecido como Dia da Independência da Coreia), celebrado todos os anos no dia 15 de agosto, é provavelmente o feriado nacional  mais importante da Coreia do Sul. É um feriado marcado por histórias de perseverança, nacionalismo e orgulho nacional.

15 De Agosto. O Feriado Cívico Mais Importante Da Coreia
Foto: exército dos estados unidos

Na Coreia, o Dia da Libertação Nacional é chamado de 광복 (gwangbokjeol), que literalmente significa “a restauração da luz”. O feriado celebrou o fim de um tempo sombrio na história coreana, quando os japoneses ocuparam toda a península. É um feriado com uma história muito inspiradora!

Seu nome é composto por três caracteres coreanos:

광 (gwang) = que significa “luz”
복 (bok) = que significa “restauração”
절 (jeol) = que significa “feriado”

Apesar do feriado ser frequentemente chamado de Dia da Independência da Coreia, a palavra “restauração” é usada em vez da palavra “independência”, 독립 (dongnip), para destacar como a Coreia tem uma longa e orgulhosa história e como a nação coreana foi “restaurada” em 1945, em vez de “fundada”. Como resultado, muitos coreanos chamam este dia de “Dia da Libertação Coreana” ou “Dia da Libertação Nacional da Coreia” quando traduzem “Gwangbokjeol” para outras línguas.

A História do Dia da Libertação Nacional da Coreia

A Coreia passou por muita coisa. O país foi invadido inúmeras vezes e passou por muitas dificuldades. Um dos piores períodos da história coreana aconteceu na primeira metade do século XX, quando a Coreia se tornou uma colônia do Japão.

15 De Agosto. O Feriado Cívico Mais Importante Da Coreia
Foto: wikipedia

Sob o domínio japonês, os coreanos foram forçados a ter nomes japoneses, e muitos coreanos foram recrutados à força para fornecer mão-de-obra para o Japão. Eles também foram recrutados à força para o exército japonês no final da Segunda Guerra Mundial e as mulheres foram forçadas e servirem de prostitutas para também para o exército. Esse é uma assunto, ainda amplamente discutido, pois o Japão não pediu as devidas desculpas à Coreia até hoje.

Durante a opressão japonesa, muitos coreanos enfrentaram os japoneses e muitas vezes pagaram por esse desafio com suas vidas. Em 1945, a Coreia foi finalmente libertada de sua ocupação, e exatamente três anos depois, em 15 de agosto de 1948, a República da Coreia foi oficialmente estabelecida.

Celebrações do 15 de Agosto em Todo o Mundo

O dia 15 de agosto é celebrado por muitos países como o dia em que o Japão foi derrotado e a Segunda Guerra Mundial finalmente terminou. Conhecido como Dia V-J, ou Dia da Vitória sobre o Japão, este dia marca o anúncio do Japão de sua rendição. Com a rendição do Japão, a Coreia pôde finalmente ganhar sua independência. Nos EUA, o dia V-J é comemorado em setembro, quando os japoneses formalmente assinaram uma declaração de rendição, em vez do dia em que o Japão anunciou sua rendição.

O Dia da Libertação Nacional às vezes é chamado de Dia da Independência da Coreia. No entanto, a história desses feriados é realmente mais complicada do que se possa pensar. Para os não-coreanos, pode ser difícil entender a diferença entre o Dia da Libertação Nacional (15 de agosto), o Dia de Samil (1º de março) e o Dia Nacional da Fundação (3 de outubro).

Falaremos sobre suas diferenças aqui:

Dia de Samil, ou Dia do Movimento

Em 1º de março, os coreanos comemoram o Dia do Movimento da Independência ou o Dia do Samil (삼일절 | Samiljeol). Em 1º de março de 1919, um importante protesto aconteceu contra o domínio japonês. Este importante movimento causou uma série de eventos que eventualmente levaram à Libertação da Coreia 25 anos depois. Você pode aprender mais sobre este evento, aqui neste texto anterior do Koreapost sobre o assunto.

Dia Nacional da Fundação da Coreia

Em 3 de outubro, os coreanos celebram o Dia Nacional da Fundação ou 개천절 (gaecheonjeol) em coreano. Esta celebração gira em torno da fundação da Coreia e dos mitos sobre como a nação foi criada há mais de 4000 anos.

A Coreia é uma nação de milhares de anos – 4.349 anos para ser exato. O Dia Nacional da Fundação, em outubro, celebra a fundação da nação coreana em 2333 A.C.

15 de agosto é às vezes chamado de Dia da Independência da Coreia; no entanto, a Coreia já é uma nação independente há milhares de anos. É por isso que há uma ênfase na palavra “restauração” em vez da palavra para “independência”.

Ao entender a diferença entre esses feriados, você pode aprender muito sobre a cultura e a história coreanas.

Como é comemorado o Dia da Libertação Nacional na Coreia do Sul?

Se você passear nos arredores de Jamsil na Coreia do Sul, entre o Estádio Olímpico e o Parque Olímpico, você notará as bandeiras de diferentes países mundiais pendurados no meio da estrada.

15 De Agosto. O Feriado Cívico Mais Importante Da Coreia
Foto: embaixada dos estados unidos em seul

De vez em quando, todas as bandeiras são retiradas e substituídas pela bandeira nacional da Coreia do Sul. Quando isso acontece, então você sabe que há um feriado nacional chegando. Estas bandeiras coreanas podem ser vistas antes do Dia da Libertação Nacional da Coreia. Durante este tempo em torno da Coreia do Sul , os governos locais penduram a bandeira coreana em postes e fora de prédios públicos.

Em 2015, o Lotte Group até colocou uma enorme bandeira da Coreia do Sul ao lado da Torre Lotte, que ainda estava em construção em Jamsil para comemorar o dia. Além de empresas e prédios públicos, bandeiras coreanas podem ser vistas penduradas em vitrines e apartamentos em todo o país.

Há algumas exibições de fogos de artifício em Gwangbokjeol, mas as principais exibições de fogos de artifício na Coreia são realizadas no Dia Nacional da Fundação em outubro.

Você também pode ver cidadãos pendurando bandeiras em suas janelas. Os coreanos que são descendentes de ativistas da independência podem visitar museus e andar de transporte público gratuitamente neste dia.

Cerimônias Oficiais

O governo realiza uma cerimônia oficial neste dia, e o dia também tem uma canção oficial. Durante uma dessas cerimônias, a mãe da ex-presidente coreana Park Geun-Hye foi morta durante uma tentativa de assassinato ao pai de Park Geun-Hye, o presidente da época, Park Chung-Hee.

15 De Agosto. O Feriado Cívico Mais Importante Da Coreia
O presidente moon jae-in saúda a bandeira nacional em um evento que marca o 76º dia da libertação da coreia do sul, realizado na estação central de seul neste domingo. Foto: yonhap

O governo coreano também pode dar perdões especiais aos prisioneiros neste dia. Este perdão especial foi o tema do filme de comédia de 2002 “Jail Breakers”(광복절특사 |  ou gwangbokjeolteuksa), onde os personagens principais escapam da prisão, apenas para descobrir que eles seriam perdoados no dia seguinte.

Dia da Libertação na Coreia do Norte

Tanto a Coreia do Norte quanto a Coreia do Sul celebram o Dia da Libertação em 15 de agosto. De fato, 15 de agosto é um dos poucos feriados realizados simultaneamente entre a Coreia do Norte e a Coreia do Sul.

Neste momento, a Coreia do Norte também comemora o fim da Ocupação Japonesa. Este dia especial é celebrado na Coreia do Norte com cerimônias públicas como Marchas Militares e desfiles.

Onde saber mais sobre o Dia da Libertação Nacional?

Se você quiser saber mais sobre o Dia da Libertação Nacional da Coreia o existem vários lugares que você pode visitar.

Salão da Independência da Coreia – O Salão da Independência da Coreia está localizado em Cheonan. Aqui você pode aprender sobre a ocupação japonesa da Coreia.

15 De Agosto. O Feriado Cívico Mais Importante Da Coreia
Prisão de seodaemum. Foto: governo metropolitano de seul

Prisão de Seodaemun – Se Cheonan for muito longe para você ir, então a Prisão de Seodaemun em Seul pode ajudá-lo a aprender sobre a luta da Coreia pela independência. Foi na prisão de Seodaemun que os combatentes da independência foram presos e torturados. Fora da prisão está o “Independence Gate”, que, apesar de seu nome enganoso, foi construído pouco antes da ocupação japonesa pelo governo pró-japonês.

Era para simbolizar a independência da Coreia da China. No entanto, naquela época, a Coreia era mais ou menos independente da China. O tratado que deu à Coreia sua “independência” da China permitiu que o Japão transformasse a Coreia em uma colônia japonesa apenas alguns anos depois.

Com as relações entre a Coreia e o Japão sempre nas notícias, aprender sobre o passado da Coreia pode ajudar os visitantes da Coreia a entender por que ainda há tanta antipatia entre os dois países.


Disclaimer: As opiniões expressas em matérias traduzidas ou em colunas específicas pertencem aos autores orignais e não refletem necessariamente a opinião do KOREAPOST.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.