O BTS fez história na Billboard mais uma vez com seu último álbum!

Em 1º de março, a Billboard anunciou oficialmente que o novo álbum do BTS, “Map of the Soul: 7”, estreou em primeiro lugar em sua famosa lista dos 200 melhores álbuns, seu ranking semanal dos mais populares nos Estados Unidos.

Capa do Álbum Map of the Soul 7. Foto: Kpop Mall USA

De acordo com a Billboard, “Map of the Soul: 7” ganhou impressionantes 422.000 unidades equivalentes de álbuns durante a semana que terminou em 27 de fevereiro, alcançando a maior semana de qualquer álbum lançado em 2020 até agora. A pontuação total consistiu em 347.000 vendas de álbuns tradicionais, 26.000 unidades de álbuns equivalentes a faixas (TEA) e 48.000 unidades de álbuns equivalentes a streaming (SEA) – o que se traduz em 74,7 milhões de fluxos de áudio sob demanda na primeira semana do álbum.

Não apenas o “Map of the Soul: 7” alcançou as vendas mais altas de uma semana de qualquer álbum lançado este ano e quebrou os recordes de vendas pessoais do BTS nos EUA, mas também marcou a maior semana de qualquer álbum lançado por um grupo desde “Made in the A.M”, do One Direction, em 2015.

“Map of the Soul: 7” é o quarto álbum do BTS a entrar na parada em número 1, tornando o grupo o primeiro – e até agora, único – artista coreano na história a chegar ao topo da Billboard 200 com quatro álbuns diferentes.

Foto: Teen Vogue

Notavelmente, o grupo levou pouco mais de um ano e nove meses para alcançar o feito: o BTS começou sua série com “Love Yourself: Tear” em 2018, depois continuou com “Love Yourself: Answer” e “Map of the Soul: Persona”.

O último grupo a liderar a Billboard 200 com quatro álbuns diferentes tão rapidamente foi o The Beatles, que alcançou o número 1 quatro vezes entre 30 de julho de 1966 e 6 de janeiro de 1968; e o último grupo a acumular seus quatro primeiros números 1 tão rapidamente foi o The Monkees, que levou um ano e 21 dias para realizar a façanha, de 12 de novembro de 1966 a 2 de dezembro de 1967.

Parabéns ao BTS por mais uma conquista incrível!


Disclaimer: As opiniões expressas em matérias traduzidas ou em colunas específicas pertencem aos autores orignais e não refletem necessariamente a opinião do KOREAPOST.



DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome.