Em 1996, quando a fita cassete não era fora de moda e calças largas eram tendência, havia uma canção em particular que dominava o rádio: “Novice’s Love” (애송이의 사랑 ou “Young Love”), uma balada romântica de uma estudante de ensino médio com 18 anos.

Mesmo após 20 anos, Yangpa, cujo nome verdadeiro é Lee Eun-jin, lembra vividamente a primeira apresentação deste hit, sua canção de debut que a lançou imediatamente para fama.

Que tensão, aquele sentimento nervoso antes de subir ao palco… Ainda está fresco na minha memória. Eu estava cantando na escuridão, percebendo que todos estavam cantando junto a ‘Novice’s Love’. Nunca senti o mesmo tipo de euforia desde aquele momento”, Lee lembrou de seu auge com uma voz sonhadora durante a entrevista para o The Korea Herald, em Seul.

Por mais que seu nome artístico curiosamente signifique “cebola” em coreano, ela atraiu fãs e a aclamada canção de R&B imediatamente ganhou prêmios em diversos programas musicais, fazendo dela um nome familiar. Foi extraordinário para uma novata, mas Lee diz que prefere não caminhar mais por este caminho glorioso de memórias.

Embora eu seja muito grata pela canção, sinto que toda vez que eu falo sobre a fase de ‘Novice’s Love’, me consideram como uma pessoa que continua no passado. Quero ser vista como a pessoa que vive no presente”, disse ela.

(Imagem: Naver)
(imagem: naver)

Ícone de ‘má sorte’

Tanto em pessoa como por sua voz calorosa, Lee aparece desarmadamente amigável e solta, um testemunho de seus 20 anos na indústria. Coberta em um casaco laranja acolchoado e praticamente sem maquiagem, Lee sussurrou ao repórter dizendo que realmente gosta de conversar com jornalistas. No entanto, disse que não estava orgulhosa da trajetória de sua carreira. Em suas palavras, sua juventude foi “como atravessar um túnel escuro sem fim, manchado de disputas e incertezas.”

Após lançar seu terceiro álbum completo “Addio” em 1999, Lee, cansada da vida artística, foi para os Estados Unidos tirar uma folga e estudar na Faculdade de Música Berklee. Mas ainda assim, sua paixão pela música não desvaneceu, razão pela qual lançou seu quarto álbum no exterior.

Ela voltou para o seu país na esperança de reavivar sua chama musical, mas logo se viu envolvida em disputas com sua própria agência, tornando-se um prolongado e grande obstáculo para sua carreira. Lee transitou entre agências, continuou lidando com problemas internos repetitivos e uma das agências até declarou falência. Ela acabou entrando em um longo hiato com o apelido de “um ícone de má sorte”.

Tenho vagas memórias desta época”, disse Lee em um tom plano, expressando sua relutância de entrar em detalhes. “Agora eu sei que ceder e me diminuir poderiam ter levado à resultados melhores, talvez me salvado de danos maiores. Mas você sabe, é difícil quando se é jovem. Todo mundo passa por seus próprios momentos ruins, mas naquela época, foi como se meu mundo estivesse desmoronando.”

Lee costumava cair em lágrimas quando falava de seu passado. Hoje não fica tão emocional como antigamente. Em vez disso, ela espera evitar essa nuvem e começar uma nova vida. Assim como ela não quer que “Novice’s Love” a represente, não quer ser lembrada como uma cantora atormentada por inúmeros problemas. “Não pretendo mencionar o meu passado em futuras entrevistas. Tudo o que pensam de mim são os problemas de minha agência, não o meu rosto sorridente e penso que isso faz com que as pessoas cansem de mim”, ela disse. “É como cortar minha própria carne”.

(Imagem: Rbw)
(imagem: rbw)

‘Agitada’ com a nova vida

Devido às longas batalhas, Yang Pa inicialmente evitou parcerias com agências. Mesmo quando recebeu ligações de várias agências em 2015 após aparecer em um show de audição musical “I am a Singer” e reavivar sua carreira, ela não estava aberta a ideia. Mas em Setembro de 2015, ela finalmente se acertou com a RBW, uma agência de entretenimento fundada por seu antigo conhecido Kim Do-hoon, que também escreveu o seu hit de 2007 “Love…What is it?”

Em seu novo ninho, a cantora buscou por uma transformação visual e musical. Uma parte disso foi o lançamento de “Trembling”, seu primeiro lançamento original desde a canção de 2012 “Together”.

Em “Trembling”, uma balada mid-tempo profunda com um toque de pop britânico, ela exerce habilidades musicais bem diferentes do passado. A cantora está mais focada em seus vocais, mas mantém aquele seu fluxo único, remanescente de suas baladas dos anos 90.

Pode não ser uma mudança dramática, mas Lee estava mais do que satisfeita quando recebeu comentários que reconheceram seus esforços, mesmo perguntando a opinião do repórter sobre sua nova canção. Sem truques, a canção retrata o sentimento de agitação causado pelo reencontro após uma separação amorosa, em linguagem cotidiana. E ela planeja manter sua música assim: simples, mas confortável, comum, mas familiar.

No passado, eu costumava cantar sobre o amor, especialmente aquele dos meus 20 anos. Mas todos nós envelhecemos e ficamos com 40, 50 anos, não é? Agora quero cantar algo fácil para aqueles que lutam para cuidar de seus filhos e vida profissional, oferecê-los algum conforto”, disse ela.

(Imagem: Rbw)
(imagem: rbw)

Quando estudante, o sonho de Lee era entrar em uma faculdade de prestígio e tornar-se uma diplomata. Agora aos 38 anos, ela sonha com algo diferente: cuidar de si mesma diariamente e, em um dia, perceber que não desperdiçou seus anos.

Para alcançar o público novamente, Lee planeja aparecer em programas de rádio e shows. Ela também planeja lançar um single a cada mês e colaborar com outros músicos para aumentar sua visibilidade.

Talvez eu queira contar às pessoas que simpatizo com elas, dizer que não é necessário se esgotar aos 20 anos, pois ainda tem os 30 anos aguardando por elas. Na verdade, o tempo resolve muita coisa” ela acrescenta.


Disclaimer: As opiniões expressas em matérias traduzidas ou em colunas específicas pertencem aos autores orignais e não refletem necessariamente a opinião do KOREAPOST.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.