O famoso autor brasileiro mais conhecido por seu romance mundialmente famoso “O Alquimista” recentemente participou de uma entrevista por e-mail para a Yonhap News no dia 8 de novembro. Durante a entrevista, Paulo Coelho descreveu como seu interesse por entretenimento coreano, como K-pop e K -dramas começou.

Paulo Coelho compartilhou: “Foi por volta de 2016. Por coincidência assisti ao filme do diretor Park Chan Wook Old Boy’. Foi por isso que me apaixonei por Hallyu. Com isso como o começo, eu encontrei mais de 100 filmes coreanos. Também fiquei curioso sobre como seria se eu visse Seul e Busan, que vi pela tela, pessoalmente.”

Embora já tenham se passado mais de 20 anos desde que “O Alquimista” foi apresentado pela primeira vez na Coreia, o romance continua a receber muito amor do público coreano. Em 2018, Suga do BTS também recomendou o romance para seus fãs. Paulo Coelho revelou: “Não recebi atenção da Coreia no início. Mas, também, houve um tempo em que não estava tão interessado na Coreia como estou agora. ”

Ele continuou: “Um dia, eu estava lendo o jornal no avião. Ele tinha a lista dos mais vendidos do mundo. Eu descobri inesperadamente ‘O Alquimista’ na lista coreana. Eu me perguntei se isso foi um erro, mas não foi. Na época, eu não tinha promovido o livro na Coreia e não tinha dado uma entrevista coletiva lá. Isso significa que os livros foram vendidos apenas de boca em boca. ” Ele acrescentou: “Fico muito emocionado sempre que um cantor ou ator coreano menciona meu romance”.

O escritor brasileiro Paulo Coelho. Foto: O Segredo

Recentemente, no Twitter, Paulo Coelho postou uma captura de tela de um personagem popular da webtoon que dizia ‘O Alquimista’, e também escreveu palavras de apoio ao BTS, defendendo-o contra haters.

O escritor revelou que tinha acabado de assistir “My Mister”. Ele disse: “É uma grande obra-prima. É o melhor projeto que vi recentemente. Ele retrata sutilmente a psicologia humana e tem uma história rica. Além disso, projetos que tratam das relações da Coreia do Norte e do Sul são muito interessantes para um estrangeiro como eu [que está menos familiarizado com o assunto].

Paulo Coelho compartilhou: “Eu sempre passo o final do ano na França, e os coreanos que moram lá usam hanbok (roupas tradicionais) na véspera de ano novo. Toda vez, sou cativado por uma beleza que você só pode sentir através de roupas tradicionais.

O autor também compartilhou seu amor pelo BTS. Ele compartilhou: “BTS é um grupo de que gosto muito e sempre enfatizo como as pessoas devem prestar atenção a eles sempre que posso. Pegando emprestado as palavras de minha esposa, eles têm um carisma refinado e dão inspiração criativa. ”

Por fim, o autor comentou sobre fazer uma pausa na escrita por causa dos tempos difíceis devido o COVID-19. Ele revelou que embora não estivesse com humor para escrever recentemente, ele também encontrou a felicidade na vida cotidiana passando muito tempo com sua esposa no campo. O autor disse: “Espero que todos vivam cada dia ao máximo. Essas são as palavras que eu queria transmitir. Espero encontrar você um dia [na Coreia].


Disclaimer: As opiniões expressas em matérias traduzidas ou em colunas específicas pertencem aos autores orignais e não refletem necessariamente a opinião do KOREAPOST.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome.