E se você tivesse apenas 48 horas de vida? O que você faria e com quem passaria essas últimas horas?

No novo reality show “My Last 48 Hours“, três celebridades dos 20 aos 50 anos de idade revelam o que fariam. Desde comer sua comida favorita a arrumar seu ambiente, a situação imaginária os leva a refletir sobre suas vidas e examinar seu verdadeiro eu.

“Sou uma pessoa otimista, mas muitas vezes me perguntei por que o tema da morte não é tratado (na TV)”, disse Jun Sung-ho, produtor do programa, durante uma conferência de imprensa promocional no oeste de Seul. “Há coisas negativas sobre a morte, mas eu pensei que deveríamos falar francamente sobre isso”.

O show se inicia com um apresentador entregando uma mensagem de morte para cada um dos membros do elenco. Sung Si-kyung, um popular cantor e apresentador de TV, assumiu o papel de mensageiro, enquanto as atrizes Lee Mi-sook e Park So-dam e o cantor e artista Tak Jae-hoon viveram suas “últimas” 48 horas na Terra.

“Eu sempre pensei que agir era muito difícil”, disse Lee Mi-sook, que aos 56 anos é considerada uma das mais reconhecidas atrizes de sua geração. “Nesse papel, eu podia me ver muito claramente, não conseguia fazer cálculos nem pensar em como eu olharia para os telespectadores. Se isso realmente aconteceu comigo, é assim que eu agiria. Fui honesta comigo mesma”.

Em um teaser mostrado durante a conferência de imprensa, Lee Mi-sook soluçou e por vezes derramou lágrimas enquanto assistia a um vídeo de sua velha escola, através de um par de óculos de realidade virtual (VR) ou segurando seus cães em seu colo.

“Ao invés de sentir pesar, sinto um pouco de tristeza”, disse ela. “Eu sinto que ainda tenho muito a fazer e tenho muito apego à vida”.

Tak Jae-hoon, de 48 anos, disse que inicialmente recusou a oferta de Jun para aparecer no programa, porque a ideia de morrer lhe pareceu muito mórbida. Depois de se encontrar com os produtores, porém, ele chegou a aceitar a realidade da morte e decidiu se preparar, embora temporariamente.

“As filmagens reais ocorreram durante mais de 48 horas. Nós nos levantamos cedo de manhã e nossos alarmes tocavam a cada duas horas”, disse o artista. “No início, eu estava em negação e não levava a sério, mas, depois de um dia e meio, eu senti como se tivesse sido auto hipnotizado. Eu estava um pouco deprimido antes de superar isso durante o jantar do nosso grupo. “

Jun expressou imensa satisfação com o elenco, dizendo que nunca os imaginou juntos e não poderia esperar uma melhor sincronia entre os atores.

“Eu acho que eles são pessoas corajosas”, disse ele. “Todos eles são pessoas maravilhosas, mas eu não acho que são apenas eles. Todos são boas pessoas. Meu maior foco foi ajudar as pessoas a perceberem quão boas elas são. Eu queria que nossos espectadores percebessem como são preciosos. Todos precisamos desse tipo de conforto”.

“Os espectadores também poderiam pensar em como passar o resto de suas vidas e tomar sugestões dos membros do elenco”, acrescentou.

Tak Jae-hoon (esquerda), Lee Mi-sook (centro) e Sung Si-kyung (direita) posam para uma foto durante a conferência de imprensa para "My Last 48 Hours" em um hotel no oeste de Seul, 30 de novembro de 2016
Tak Jae-hoon (esquerda), Lee Mi-sook (centro) e Sung Si-kyung (direita) posam para uma foto durante a conferência de imprensa para “My Last 48 Hours”.

My Last 48 Hours“, Minhas Últimas 48 Horas, está programado para passar no canal de cabo tvN às 23h, toda quarta-feira, num total de 12 episódios.


Disclaimer: As opiniões expressas em matérias traduzidas ou em colunas específicas pertencem aos autores orignais e não refletem necessariamente a opinião do KOREAPOST.



DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome.