A Netflix contratou a roteirista sul-coreana Kim Eun-hee e o diretor sul-coreano Kim Seong-hun para produzir uma série de TV coreana original intitulada “Kingdom” – um thriller de ação zumbi que acontece durante a época medieval da Coreia, a Dinastia Joseon.

O drama de oito episódios será protagonizado por um príncipe herdeiro enviado em uma missão suicida para investigar um surto misterioso no reino. A série estreia em 2018, disse a Netflix.

Kingdom capturou nossa imaginação desde o momento em que lemos o roteiro com sua festa visual de drama histórico misturado com fantasia sobrenatural“, disse Erik Barmack, VP dos produtos originais internacionais da Netflix.

 

Estamos incrivelmente honrados com esta rara oportunidade de combinar duas mentes criativas da Coreia – o diretor de cinema Kim Seong-hun e a escritora de televisão Kim Eun-hee.”

A escritora da série, Kim Eun-hee, também escreveu “Signal“, que foi um dos seriados coreanos mais aclamados pela crítica em 2016. Ela tem trabalhado em Kingdom desde 2011, e disse que queria misturar dois gêneros populares. “Trabalhar com a Netflix nos ajuda a desbloquear esta visão criativa para Kingdom e estou animada para continuar a construir esta história única com o diretor Kim Seong-hun, uma pessoa que tenho um respeito tremendo.”

Eu queria escrever uma história que reflete os medos e ansiedades dos tempos modernos, mas explorada através da lente de um fascínio romântico do período histórico de Joseon“, disse Eun-hee.

Netflix também investiu recentemente US$ 50 milhões no novo filme “Okja” de Bong Joon-ho, e está financiando atualmente a produção de sua primeira série coreana “Love Alarm” baseado no webtoon de Chon Kye-young.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome.