The King: Eternal Monarch, Kajomag, Extraordinary You e Tale Of Nine-Tailed

Um dos principais motivos por trás do ótimo desempenho de séries sul-coreanas, não apenas dentro do país como internacionalmente, é porque eles sabem no que são bons e se agarram a isso.

O primeiro gênero de K-drama que estourou internacionalmente foi o romance, o que explica o motivo por trás de tantas séries românticas sul-coreanas lançadas.

Hoje, existem diversos estilos inclusive dos K-dramas de romance entre mulheres mais velhas e rapazes mais novos, romances de escritório ou de universitários… Mas além disso, alguns deles também vão para o lado do irreal, quando apresentam pares românticos entre pessoas mortais e seres sobrenaturais.

E essas séries mostram como o amor verdadeiro prevalece até mesmo entre seres e universos diferentes. Por isso, aqui vai uma seleção de 15 K-dramas de romance-fantástico que você precisa colocar agora na sua lista!

Secret Garden (2010)

Dando início à lista, temos Secret Garden (2010), uma clássica história estilo Cinderela: uma dublê pobre e sem família se apaixona por um CEO charmoso mas muito arrogante. E desde seu lançamento, a série permanece sendo uma das mais prestigiadas.

A parte da fantasia acontece quando ambos trocam de corpo após tomarem uma misteriosa bebida em um jardim secreto. Gil Ra-im (Ha Ji-won) trabalha como dublê e perdeu o pai quando estava no ensino médio. Enquanto isso, Kim Joo-won (Hyun Bin) é um exigente e racional CEO de um departamento de alta qualidade e que sofre secretamente de claustrofobia.

Após uma série de mal entendidos, Ra-im esbarra constantemente com Joo-won. E apesar de suas diferenças, Joo-son se pega pensando em Ra-im com frequência e decide segui-la. Tudo isso acontece enquanto ambos trocam de corpo e andam, literalmente, um com o sapato do outro.

Goblin: The Lonely and Great God (2017)

Em um primeiro momento, a história de amor nesse popular K-drama escrito por Kim Eun-sook é, de certa forma, inquietante. Esse romance fantástico é, atualmente, o K-drama com a quinta maior avaliação na história da televisão coreana.

A história segue a vida de Kim Shin (Gong Yoo), um general militar que é amaldiçoado a ser um goblin (duende) imortal. A única forma de por um fim à sua imortalidade é a Noiva do Goblin, a única que pode ver e retirar a espada em sua barriga e matá-lo.

E Enquanto o Goblin é uma divindade de mil anos, a esposa que está destinada a ele, Eun-tak (Kim Go-eun), é uma corajosa órfã e uma estudante de Ensino Médio cheia de problemas para enfrentar

Um dia, o sobrinho de Kim Shin, Yoo Deok-hwa (Yook Sung-jae), aluga sua casa sem o seu conhecimento ao Grim Reaper (Lee Dong-wook). Para lidar com a situação, o Goblin e o Grim acabam, relutantemente, morando juntos.

Mais tarde, Eun-tak fica sem ter onde morar, se muda para a casa do Goblin e começa a trabalhar meio período em um restaurante de frango, comandado por Sunny (Yoo In-na).

Conforme os quatro passam mais tempo juntos, Eun-tak, Kim Shin, Grim Reaper e Sunny não poderiam imaginar quão profunda é a conexão entre eles, nem como o destino os havia colocado juntos.

Black Knight: The Man Who Guards Me (2017)

Este K-drama conta a história de Moon-Soo-ho (Kim Rae-won), um CEO bem sucedido que ainda se mantém fiel ao seu primeiro amor, Jung Hae-ra (Shin Se-kyung), uma funcionária esforçada que trabalha para uma agência de viagens.

Ambos compartilham duas histórias: uma se passa no tempo presente e a outra acontece 200 anos atrás. No presente, Soo-ho é levado para a casa de Hae-ra após a morte de seus pais. Assim, eles crescem juntos, como irmãos, mas Soo-ho começa a ter sentimentos por Hae-ra.

Eles se separam quando Soo-ho  vai estudar no exterior, retornando para sua amada quando se torna um bem-sucedido CEO. Mas o que os dois não sabem, é que ambos são reencarnações de Lee Myung-so e Boon-yi, que morreu nas mãos de Choi Seo-rin (Seo Ji-hye), esposa de Myung-so.

Separados, o casal não sabe que Seo-rin é amaldiçoada com imortalidade e continua obcecada por seu marido e, agora, pela reencarnação dele.

My Girlfriend is Gumiho (2010)

Esse romance-fantástico sul-coreano é antigo mas incrível. Nele, temos a história de Cha Dae-woong (Lee Seung-gil), um universitário que deseja se tornar uma estrela e acidentalmente libera um gumiho (Shin Min-ah), uma raposa mitológica coreana que havia sido selada em uma pintura.

Diz a lenda que o gumiho leva o fígado dos homens para comer, fazendo Dae-woong temer a criatura. Mas o que ele não sabe é que o gumiho que ele libertou estava esperando para se tornar humana a muito tempo.

Assim, o gumiho se aproveita do medo de Dae-woong para ficar ao seu lado. E conforma os dois passam mais tempo juntos, o amor começa a desabrochar entre um homem mortal e um ser mitológico.

The Bride Of the Haeback (2017)

Baseado no manhwa (quadrinho coreano) Bride of the Water God, de Yoon Mi-kyung, a série foi estrelada por Shin Se-kyung, Nam Joo-hyuk, Lim Ju-hwan, Krystal Jung and Gong Myung.

O Deus da Água, Ha-baek (Nam Joo-hyuk), precisa ir até a Terra para recuperar as pedras sagradas, a fim de assumir o trono do Reino Divino. Para isso, ele precisa da ajuda de So-ah (Shin Se-kyung), ums descendente de uma família fadada a servir os deuses por gerações.

Entretanto, quando Ha-baek surge na Terra, ele perde seus poderes e fica incapaz de convencer So-ah de que ele é, de fato, um Deus. So-ah, por sua vez, trata ele como um paciente que está sofrendo de transtornos mentais.

Apesar do enredo ser um pouco confuso, a atuação do elenco é o que faz essa produção valer a pena assistir.

About Time (2018)

E se um dia você acordar e puder ver a vida das pessoas fazer tiquetaque? Você as iria salvar da morte ou passaria retor por ela e ignoraria?

Para a aspirante a atriz Choi Michaela (Lee sung-kyung), esse presente tem sido mais uma maldição do que uma benção. E a pior parte é o fato dela poder ver seu próprio tempo de vida. Mas tudo muda para Michaela quando ela cruza com Lee Do-ha (Lee Sang-yoon), um CEO filho de um chaebol (grandes famílias donas de conglomerados na Coreia).

Michaela então percebe que sempre vê seu relógio de vida quando está com Do-ha. Obcecada em viver mais tempo na Terra, ela faz tudo o que pode para ficar com Do-ha, a ponto de virar suas motorista pessoal. Mas logo o relacionamento de Michaela e Do-ha se transforma em um problema, principalmente para ele, seu negócio e sua família.

Extraordinary You (2019)

Imagine que um dia você descobre que o mundo em que você vive não é real e que, na verdade, é um mundo fantástico de uma revista em quadrinhos.

Eun Dan-oh (Kim Hye-yoon) é uma estudante de Ensino Médio nascida em uma família rica mas com um problema no coração. No início, ela acredita que tudo em sua vida é perfeito, apesar da sua doença. Mas então seu mundo colapsa quando ela descobre que todos em sua vida são meros personagens em uma história em quadrinhos juvenil, chamada Secret.

Além disso, Dan-oh é apenas coadjuvante na história e o autor está planejando matar sua personagem no final da história. Mas ela não é a única que tem essa consciência de sua realidade, e um pequeno grupo de pessoas à sua volta começam a se tornar conscientes de suas identidades.

Um deles é o número 13 (Rowoon), um personagem extra na história que nem ao menos tem um nome. E após passar um tempo com ela, Dan-oh o chama de Ha-ru.

No geral, esse K-drama é leve e divertido, além de ter uma boa dose de suspense no ar.

My Love From The Star (2013)

E que tal uma história de amor entre um alien e um ser humano?

Do Min-joon (Kim Soo-hyun) é um alien que chegou à Terra em 1609. Mas após salvar uma garota chamada Seo Yi-hwa de cair de um penhasco, ele perde a viagem de volta para o seu planeta natal.

Pelos próximos quatro séculos, Min-joon percorre pela Terra mudando de identidade a cada dez anos, já que nunca envelhece. Em um certo momento, entretanto, ele descobre que uma jovem chamada Song-yi se parece que a garota que havia ajudado 400 anos antes.

A dupla então começa a passar tempo junto após um série de incidentes e contratempos. Song-yi acaba descobrindo a identidade de Min-joo e que ele estaria usando suas habilidades de visão, audição e velocidade para ajudá-la com seus problemas.

Essa série marca o primeiro comeback de Jun para a televisão, após 14 anos. Essa foi, definitivamente, um retorno notável para ela, já que ela levou o Grande Prêmio de Televisão no 50º Baeksang Arts Awards por esse papel.

Legende Of The Blue Sea (2016)

Escrito por Park Ji-eun, mesmo roteirista de My Love from the Star, esse K-drama foi um dos mais populares de 2016, seja pela história ou por trazer duas das maiores estrelas da Coreia, JunJi-hyun e Lee Min-ho.

A trama traz a história de Shim Cheong (Jun Ji-hyun), uma sereia que se apaixonou por um vigarista chamado Heo Joon-jae (Lee Min-ho). A história de amor entre os dois, entretanto, começa ainda na Era Joseon, quando eles morreram ao estilo Romeu e Julieta, e acaba na reincarnação deles no século 21.

Muitos dos elementos chave como linhas do tempo paralelas entre passado e presente, bem como o romance entre um humano e um não-humano é basicamente uma versão repaginada do trabalho anterior de Park Ji-eun, em My Love from the Star. Até a mesma atriz principal Jun Ji-hyun muda seu papel de humana para sereia nesse K-drama.

Então, se você gosta da atuação de Jun e do estilo de escrita de Park, ao elaborar roteiros, esse drama é, definitivamente, um título que vale a pena.

The King: Eternal Monarch (2020)

Como se uma relação à distância não bastasse, imagina sair com alguém que é de outro universo.

Essa série segue a história do Imperador Lee Gon, do Império da Coreia, que acidentalmente cruzar para um universo paralelo onde atualmente existe a Coreia do Sul. Lá, o imperador que não possui qualquer identidade, encontra a detetive Jung Tae-eul (Kim Go-eun).

Lee a reconhece graças a um cartão de identidade que ganhou na infância, após seu pai ser assassinado. E o culpado pela morte de seu pai, é seu meio tio Lee Lim (Lee Jung-jin), que também descobre uma maneira de cruzar entre os dois mundos.

Infelizmente, essa série foi abafada pelas controvérsias com uso excessivo de produtos e das imprecisões históricas.

W (2016)

E falando em universos alternativos, W traz mais um choque entre o mundo real e o mundo que existe dentro de um webtoon.

A série conta a história de Kang Chul (Lee Jong-suk), o personagem principal de um popular webtoon intitulado W. Após ser apunhalado por um misteriosos agressor, Kang Chul é socorrido por Oh Yeon-joo (Han Hyo-joo). Mas o que ele não sabe é que Oh Yeon-joo vem do mundo real e é filha do artista que criou o webtoon.

Esse K-drama é dirigido por jung-Dae-yoon, que dirigiu She was Pretty, e pelo escritos Song Jae-jung, que escreveu Nine: Nine Time Travels  e Queen In Hyuns’s Man.

Queen In Hyun’s Man (2012)

Também assegurando seu lugar nessa lista, Queen In-hyun’s Man ou Queen and I é estrelado por Hyun-woon e Yoo In-na.

Nesse temos a história da atriz Choi Hee-jin (Yoo In-na), que se apaixona por Kim Bung-do (Ji Hyun-woo), um nobre acadêmico dos anos 1984 que acaba viajando no tempo para 2012.

Quando foi lançado uma cena mostrando os dois personagens principais em Gwanghamun, o portão principal do palácio Gyeongbokgung, popularizou-se a famosa trend do ‘Beijo Gwanghamun’. O lugar se tornou um cenário famosos para turistas que gostam de tirar fotos.

Strong Woman Do Bong Soon (2017)

Se você está procurando por algo fofo e divertido, mas ao mesmo tempo assustador e eletrizantes, esse é o romance-fantástico perfeito para você.

Do Bong-soon (Park Bo-young) nasceu com força sobre-humana, uma característica herdade por todas as mulheres em sua família. E graças a sua força, ela consegue um emprego como guarda-costas do CEO de uma companhia de jogos, chamado Ahn Min-hyuk (Park Hyung-sik).

Ao mesmo tempo, uma série de rapto de mulheres  acontece no bairro de Bong-soon, que está determinada a pegar o culpado que atacou sua melhor amiga, que conseguiu escapar. Assim, com a ajuda e treinamento de Min-hyuk, Bong-soon lentamente aprende a usar e aceitar seus poderes.

Após ir ao ar, a série se tornou um dos mais bem avaliados K-dramas na história da televisão coreana.

Tomorrow, With You (2017)

Esse romance traz a história de Yoo So-joon (Lee Je-hoon), um CEO bem sucedido de uma empresa imobiliária que tem a habilidade de viajar no tempo sempre que pega o metrô.

Após ir para frente e para trás no tempo, ele vê sua versão do futuro vivendo uma vida triste e atormentada. Querendo mudar isso, ele muda seu futuro quando decide se casar com Song Ma-rin (Shin Min-ah), pensando que isso o traria felicidade.

Entretanto, há um problema: So-joon não ama Ma-rin. então como pode um casamento sem amor ter um final feliz?

Tale of Nine -Tailed (2020)

Imagine estar tão apaixonado por alguém, a ponto de estar disposto a viver durante mil anos apenas para esperar que sua antiga paixão reincarne. Isso é amor ou obsessão?

Lee Yeon (Lee Dong-wook) é um gumiho (raposa de nove caldas) e antigo espírito da montanha Baekdudaegan. Após a morte da sua amada Ah-eum, nas mãos de Imoogi, um dragão em forma de humano, Lee Yeon trabalha para o Gabinete de Imigração Pós-vida para acabar com seres sobrenaturais que ameaçam o mundo mortal.

Procurando pela reincarnação de Ah-eum, ele finalmente a encontra após mil anos de busca, que agora existe como Nam Ji-ah, uma produtora de televisão de 30 anos.

A maioria dos personagens neste drama são baseados nas figuras mitológicas coreanas. Então aqueles que amam lendas e mitos deveriam assistir!


Disclaimer: As opiniões expressas em matérias traduzidas ou em colunas específicas pertencem aos autores orignais e não refletem necessariamente a opinião do KOREAPOST.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome.

9 + três =

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.