FOTO: Entreter-se

BLACKPINK: Light Up the Sky | Hangul: 블랙핑크: 세상을 밝혀라 | Ano: 2020 | Duração: 79 minutos | Direção: Caroline Suh | Netflix 

Quando se olha de fora, tudo parece perfeito, fácil e alcançável. Essa pode ser a visão de muitos sobre a indústria do KPOP, que eles são máquinas programadas para apresentar-se com perfeição. “Seres” que seguem um manual, uma receita, um passo a passo, para serem o que são e fazerem o que fazem.

Existe uma fórmula para o sucesso?

Com a disseminação do KPOP ao redor do mundo, muito tem sido dito e ainda existe muita a dizer sobre o assunto.

Hoje em dia, os fãs e a mídia reconhecem que existem lados obscuros do KPOP, o lado que mostra a verdadeira “fórmula” para o sucesso estrondoso de diversos grupos e artistas.

Blackpink: Light Up The Sky - A Difícil Jornada Na Indústria Do Kpop
Foto: hypebae

No longa BLACKPINK: Light Up the Sky, um dos maiores grupo de KPOP atualmente, BLACKPINK, conta sua história desde os tempos de trainee, revelando momentos difíceis, decisões importantes e o seu crescimento de garotas comuns até se tornarem um dos grupos de KPOP mais famosos da atualidade.

O documentário apresenta filmagens de bastidores, rotinas, treinos, lembranças da época de trainee e de debut, com entrevistas, do grupo e de cada integrante.

O Light Up the Sky, segue a narrativa contando a história individual de cada integrante, desde sua infância até o momento decisivo que as levou se tornarem trainees de uma das big 3, YG Entertainment. Clipes da infância, pré-adolescência e época como trainees, destacam ainda mais a individualidade de cada uma, mesmo sendo criadas em países diferentes e de formas diferentes, “É a combinação que torna o BLACKPINK único”, diz o produtor Teddy durante uma entrevista.

Blackpink: Light Up The Sky - A Difícil Jornada Na Indústria Do Kpop
Foto: imdb

“Foi uma época difícil!”, diz Jisoo.

O documentário reforça as dificuldades vividas durante sua jornada até o debut.
A rotina pesada e cansativa, treinos longos e árduos, sempre sendo avaliadas, recebendo críticas pesadas, para o alcance da “perfeição”. A distância dos familiares e amigos, a ausência de uma vida pessoal, social e privada. As regras rígidas e a forma como são vistas. Esses são as dificuldade e sacrifícios enfrentados, não só pelo BLACKPINK, como por diversos outros artistas, que vai além do KPOP.

Outra faceta da história, é o destino desolador de trainees que passam anos longe de casa, fazendo tudo que podem para chegar a tão desejada estreia, mas acabam por não estrear.

“Eu me lembro de ter que mandar uma grande amiga para casa todo mês, por que elas foram eliminadas no teste”, diz Jennie.

Blackpink: Light Up The Sky - A Difícil Jornada Na Indústria Do Kpop
Foto: kiss asian

O longa-metragem ainda conta sobre o início do KPOP e como vem sendo construído através dos anos.

O documentário acaba por ser dividido em 2 partes, antes e depois do debut.
O descobrimento da garotas, o desenvolvimento de seus talentos, que as levaram a estreia como um grupo, e a evolução de sua carreira até agora.

Somos apresentados aos bastidores de grandes momentos como a primeira turnê mundial e o grande acontecimento que foi o Coachella.

Blackpink: Light Up The Sky - A Difícil Jornada Na Indústria Do Kpop
Foto: capricho

Mesmo com a estreia e o grande sucesso, as preocupações e deveres não acabam, mas sim aumentam, a estreia trouxe consigo a pressão com as expectativas dos fãs e para superarem o que já foi feito.

BLACKPINK: Light Up the Sky, deixa uma mensagem doce, sobre superação, dedicação e seguir os sonhos.

O documentário está disponível no serviço de streaming Netflix.


Disclaimer: As opiniões expressas em matérias traduzidas ou em colunas específicas pertencem aos autores orignais e não refletem necessariamente a opinião do KOREAPOST.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.