Com jovens artistas re-gravando álbuns antigos que não ganharam muita atenção após terem sido lançados na década de 1980, o gênero musical chamado “city pop” está se tornando atraente para os fãs de música pop e dando o que falar.

O “city pop” refere-se a um estilo de música originado no Japão, que foi popular a partir de meados dos anos 1970 ao início dos anos 1990. Como o nome sugere, o estilo musical tem uma atmosfera urbana com uma base rítmica e funky, que normalmente é expressa com os ritmos minuciosamente picados de guitarras ou sintetizadores.

Baek Yerin, uma musicista de 21 anos que varreu as paradas musicais da Coreia com “Our Love Is Great” em março, lançou uma nova música chamada “Before I Know It“. A canção foi cantada originalmente pelo cantor e compositor Jang Pil Soon em 1989. Confira:

Este é o último lançamento do projeto Digging Club Seoul, que lança luz sobre músicas e artistas das décadas de 1980 e 1990 que compõem o city pop. O projeto faz parte do ON STAGE 2.0, um programa de responsabilidade social da Naver Cultural Foundation.

“Havia muita música boa no século 20, mas eu não tive muitas chances de aprender sobre elas”, disse Yerin depois de participar do projeto. “Espero que mais pessoas possam encontrar músicas desconhecidas do Digging Club Seoul.

O Digging Club Seoul chegou à Coreia na década de 1980. Estrelas incluindo Hyeuni, Kim Hyun Chul, Kim Wan Sun e a banda Light and Salt adotaram o gênero.

Foto: The Korea Times – Capa do álbum ilustrada por Lim Dong-hyuk para a nova música de Baek Ye-rin, um remake da canção “Before I Know it” do cantor e compositor dos anos 80 Jang Pil-soon, como parte do projeto Digging Club Seoul para o Onstage 2.0. / Cortesia de JYP Entertainment.

No entanto, a música era apenas uma moda passageira na época. Foi quando os movimentos estudantis estavam ativos e para aqueles que buscavam música com mensagens sérias, o city pop era considerado leve demais. Também foi rejeitado pelo mercado de cultura popular por não ter ritmo divertido como outras músicas.

Cerca de 30 anos depois, a música foi redescoberta pelos millennials (pessoa atingindo a idade adulta por volta do ano 2000) e se tornou a principal tendência da música em 2019.

“É um estilo tão novo”, disse Hong Ik Hyun, de 24 anos. “As letras são simples, assim como o ritmo. Eu sinto que estou vivendo em uma época em que todos eram mais inocentes”.

Críticos de música dizem que essa tendência é uma reação às dificuldades que os jovens enfrentam na realidade.

“Por causa da dura realidade de hoje, as pessoas estão tentando buscar consolo e obter satisfação através da música que parece recordar dias felizes”, disse Jung Duk Hyun, crítico de música.

Outra crítica de música, Kim Yoon Ha, disse: “Com o som doce e suave do city pop, é difícil não gostar desse tipo de música”. Ela acrescentou: “A tendência do city pop pode ser explicada por pessoas que querem uma fuga romântica, voltando aos tempos mais felizes de nossas vidas”.

A tendência se encaixou com um surto no YouTube e nas mídias sociais. A moda começou entre as boates da área de Hongdae e, a partir de então, um número crescente de vídeos de city pop foram compartilhados no YouTube e nas mídias sociais, especialmente “Plastic Love“, de Mariya Takeuchi, lançado em 1984.

O projeto do Digging Club Seoul também começou desse modo, pois Kim Hongki, diretor da Space Oddity, percebeu a tendência em seu escritório.

Space Oddity é uma startup de conteúdo musical que trabalha com a Naver Cultural Foundation desde 2018 para “desenterrar” obras-primas ocultas da música pop coreana que não receberam muita atenção no passado, mas merecem ser notadas como parte da história da música pop coreana.

“Dois anos atrás, eu disse à minha equipe para ligar e ouvir qualquer música que eles quisessem e um dos funcionários em nosso escritório continuou ouvindo música japonesa que era famosa na década de 1980. Eu perguntei por que ele estava ouvindo esse tipo de música, e ele disse que o city pop é uma tendência nos dias de hoje”, disse Kim.

“Eu descobri sobre a Coreia dos anos 80 e, na época, Seul era vista como muito chique pelas gerações mais jovens do país. Então, decidi fazer uma proposta de projeto para o city pop.

O projeto ajudou a reavivar a tendência do city pop quando George, um cantor e compositor em ascensão, refez o álbum de Kim Hyun Chul – “After a Long Time“, seguido por Sunwoo Jung – “Heaven Is Mine” de Hyeuni. Confira:

“Este ano será diferente, pois 14 curadores se reunirão para uma palestra sobre música coreana nos anos 90 e irão rever seu significado na história”, disse um funcionário do Digging Club Seoul.

O cantor e compositor Lee Juck também mostrou entusiasmo em participar deste projeto, esperando que mais músicas clássicas fossem redescobertas.

“Durante o projeto, fiz uma curadoria da música que influenciou minha música, bem como a música que pode ser tocada a qualquer momento em minha mente”, disse ele. “Como o país das maravilhas se abre quando Alice entra no buraco, eu quero ver as pessoas realmente cavando o grande mundo da música e desenterrando toda a música oculta do século 20”.


Disclaimer: As opiniões expressas em matérias traduzidas ou em colunas específicas pertencem aos autores orignais e não refletem necessariamente a opinião do KOREAPOST.



DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome.