Para celebrar o Orgulho LGBTQ+, Holland foi bastante gentil e preparou uma playlist com suas músicas preferidas, muitas das quais enfatizam os direitos da comunidade LGBTQ+.

Além disso, o cantor afirmou que ainda pretende lançar uma nova música esse ano.
Enquanto isso, você pode curtir essa playlist exclusiva com músicas de artistas de peso como BTS, Blackpink e Frank Ocean – além de uma de sua própria autoria.

Foto: The Korea Herald

Holland – “Nar_C”

“Nar_C” foi o último single lançado por Holland com uma batida house dance perfeita para te animar em qualquer dia. Ele ainda explica que o vídeo dessa música reflete sua própria experiência com relacionamentos.

Eu quis mostrar um relacionamento difícil onde o namorado que se tornou tão parecido comigo depois de um longo tempo de namoro que ele começou a incorporar até os defeitos que eu mais detesto em mim. Através dessa metáfora, eu quis retratar que o cara que parece ser meu namorado sou eu, na verdade.” explica. “A mensagem final é que, se você quer amar alguém, primeiro você precisa se conhecer e amar a si mesmo. O vídeo é sobre eu me encontrar depois de uma separação“.

Sia – “The Greatest”

A canção empoderada de 2016 da cantora e compositora australiana Sia também faz parte dessa playlist temática.

O som contagiante de batidas fortes contém uma letra motivadora que mantêm vivo o espírito do Orgulho LGBTQ+: “Don’t give up, I won’t give up. Don’t give up, no no no. (Não desista, eu não vou desistir. Não desista, não, não, não.).”

E o vídeo envia uma mensagem sutil de apoio à comunidade LGBTQ+, pois, logo no início, a modelo coloca uma pintura facial cor de arco-íris nas bochechas.

Alguns fãs também notaram que o número de dançarinos e dançarinas no vídeo dá um total de 42 pessoas. E este é exatamente o número de pessoas mortas em 2016 no massacre que aconteceu em uma balada LGBTQ+ em Orlando, na Flórida.

Anohni – “Drone Bomb Me”

A faixa electro dance da cantora inglesa foi lançada em 2016, é uma das favoritas de Holland nessa época do ano.

Em uma entrevista para a BBC Radio One, Anohni explicou que “é uma canção de amor de uma menina de 9 anos do Afeganistão para sua família que foi morta por uma bomba de um drone. É como se ela estivesse olhando para o céu e ela se vê em um lugar onde ela quer ser morta pela bomba de um drone também.”

O vídeo conta com ninguém menos do que a top model Naomi Campbell.

Frank Ocean – “Self Control”

Apesar de ser um pouco diferente do restante da playlist, a balada R&B de Frank Ocean também foi sugerida pelo cantor, cujo trabalho também gira em torno da temática relacionamentos.

A faixa de quatro minutos se sustenta nos ecos da voz crua e comovente de Ocean, com a parte instrumental ficando em segundo plano para que sua voz receba total atenção.

BTS – “Spring Day”

Holland também escolheu “Spring Day” de BTS para a playlist. Lançado em 2017, o single do grupo é um EDM de diversas nuances e ritmo acelerado. Esteve no topo das paradas e ainda levou o prêmio de Música do Ano no Melon Music Awards.

Durante uma entrevista, Holland elogiou o discurso do grupo nas Nações Unidas.

Eu acredito que eles estão tendo sucesso por causa da mensagem positiva que eles passam em seus álbuns e nas suas falas. Eu não me recordo de cada palavra daquele discursos, porque já faz algum tempo, mas eu tenho certeza que eles possuem diversos fãs que são da comunidade LGBTQ+ e essas pessoas devem ter sentido que possuem o apoio do grupo,” afirmou.

Blackpink – “Playing With Fire”

Outra faixa do Kpop na playlist é o enorme sucesso do grupo Blackpink: Playing With Fire. Desde seu lançamento, em 2016, a canção alcançou mais de 400 milhões de visualizações no Youtube.

O terceiro single do grupo, assim como o sucesso “Boombayah”, estão entre as canções que foram tocadas no Seoul Queer Culture Festival (Festival de Cultura Queer de Seul).

The Rose – “She’s in the Rain”

The Rose é uma banda sul-coreana que estreou em 2017. Sua canção de 2018, She’s in the Rain, é uma balada-rock intensa e também faz parte das escolhas de Holland.

Embora a banda, composta por quatro integrantes, tenha apenas alguns singles e EP’s, essa canção parece ter causado uma forte impressão em milhares de pessoas, gerando uma série de vídeos no YouTube com as letras traduzidas para outros idiomas.

Anne Marie – “Boy”

A cantora e compositora britânica teve uma série  de hits na Coreia, como a música de estilo retrô “2002”, mas Holland optou pelo single de percussão forte “Boy”.

Como já é de se esperar da cantora, a maior característica da música é sua letra divertida.

“Are you into me, boy, or are you into someone else? Like maybe that boy, ’cause you know I never can tell, ooh boy (Você está afim de mim, garoto, ou está afim de outra pessoa? Tipo aquele cara, talvez. Porque você sabe que eu nunca tenho certeza, ooh garoto),” diz o refrão.

A música é sobre uma garota que está apaixonada por um garoto, mas ela não consegue identificar sua orientação sexual. Ela tenta chamar sua atenção, mas está claro que o sentimento não é recíproco. É uma dessas raras canções sobre garotas que se apaixonam por rapazes gays (como em Call me Maybe, de Carly Rae Jepsen).


Disclaimer: As opiniões expressas em matérias traduzidas ou em colunas específicas pertencem aos autores orignais e não refletem necessariamente a opinião do KOREAPOST.



DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome.