FOTO: Cosmopolitan

Na entrevista, que foi acompanhada de uma sessão de fotos, o ator comentou sobre sua experiência em estar na capa da revista, não só uma, como duas vezes. “Esta vez está totalmente diferente da sessão de fotos para a primeira capa, então pareceu que eu estava fotografando para uma revista totalmente diferente. Toda vez que eu participo de uma sessão de fotos, é como se um novo lado meu fosse registrado, então eu gosto”, disse Song Kang.

Song Kang estampa a capa da Cosmopolitan e dá entrevista
FOTO: Cosmopolitan

A palavra chave para a sessão de fotos foi “play [jogar/divertir/brincar]”. Quando questionado sobre o que ele faz para “se divertir” em seu tempo livre, Song Kang respondeu, “Eu prefiro relaxar em casa, invés de sair. Meu tempo sozinho é muito importante para mim, então eu faço várias atividades domésticas dependendo do que eu gosto de fazer. Alguns dias eu só quero descansar, enquanto outros dias eu vou ler ou assistir TV.”

Song Kang atuou em uma variedade de papéis em dramas Sweet HomeLove Alarm‘, Navillera, e o mais recente drama ‘Nevertheless’. Sobre como é interpretar diversos e diferentes personagens, ele disse: “Invés de sentir que é muito, eu penso que a  minha alegria ao conhecer novos personagens cresceu.”

Ele compartilhou que, quando é difícil mergulhar em outro personagem, o processo é mais excitante e interessante para ele: “Recentemente, eu disse adeus ao Chae Rok em ‘Navillera’, e estou atuando como Jae Uhn em ‘Nevertheless’. Eu foco nas filmagens e enquanto passo os meus dias, pergunto a mim mesmo – ‘O que Jae Uhn faria?’. Tem tantos lados novos nesse novo personagem que você não pode ver em outros, então eu espero que todos estejam ansiosos por isso.”

Song Kang estampa a capa da Cosmopolitan e dá entrevista
FOTO: Cosmopolitan

Song Kang explicou que, de alguma forma, ele tem algumas similaridades com todos os papéis em que atuou. “Em ‘Sweet Home’, você pode ver parte de mim na forma como Hyun Soo é mais caseiro que às vezes gosta de passar um tempo sozinho”, ele explica. “Em ‘Love Alarm’, eu sou parecido ao Sun Oh por ele ser reservado de início, mas logo se torna alguém divertido quando o conhece. Com o Chae Rok de ‘Navillera’, o jeito como eu me sinto agora reflete como ele se sentia na juventude quando ele trabalhava duro para avançar em seu futuro. E Jae Uhn, que eu estou interpretando agora, se parece comigo por se dar bem com os colegas, então é interessante.”

Respondendo ao comentário do entrevistador sobre ele parecer ter mais química em tela com seus colegas masculinos de elenco, Song Kang falou sobre trabalhar com o veterano Park In Hwa em ‘Navillera’. Song Kang revelou, “Foi a minha primeira vez, trabalhando com um ator mais velho e eu fiquei muito preocupado em fazer um “bromance” entre duas pessoas com idades tão diferentes parecer natural.”

Song kang agradeceu a Park In Hwa por cuidar das cenas também. “Eu agradeço a ele, pela química do Duk Chool e do Chae Rok ter acontecido naturalmente,” ele disse. “Mesmo quando as câmeras não estavam filmando, ele se aproximava como Duk Chool, então eu pude mergulhar no meu papel. Nós trabalhávamos juntos comigo seguindo suas dicas.”

Sobre o que esperar de seu novo personagem em ‘Nevertheless’, Song Kang, comentou: “Acho que a maior mudança provavelmente é que eu sou um estudante de arte. Estou experimentando os dramas da vida de um estudante na faculdade de artes, é bem divertido e estimulante.”

Song Kang compartilhou que ele está trabalhando na sua aparência física para o papel. “Anteriormente eu trabalhei para ter o corpo perfeito de um bailarino, dessa vez, eu também estou trabalhando para ter o certo tipo de corpo,” ele disse, antes de adicionar com uma risada, “Se você assistir o drama, você saberá.”

Song Kang estampa a capa da Cosmopolitan e dá entrevista
FOTO: Cosmopolitan

O entrevistador expressou sua curiosidade sobre como Song Kang pode ser tão empenhado em sua aparência física com uma agenda tão cheia. Explicando o que o faz continuar, o ator disse, “Toda manhã quando eu saio de casa, eu faço uma promessa a mim mesmo. Mesmo que eu esteja cansado, eu me lembro dos meus dias como ator iniciante, quando realmente queria trabalhar. Eu me sinto grato por aquele momento e meu cansaço desaparece. O jeito como eu convenço minha mente todos os dias me dá energia para continuar. E claro, eu também como diversas comidas saudáveis.”

Song Kang também mencionou sobre como os apelidos baseados em personagens dão a ele forças. Ele adicionou, “Eu me torno, especialmente, orgulhoso, quando os telespectadores assistem uma cena em que eu trabalhei muito e me dão um apelido. Com ‘Navillera’ eu gostei de como os telespectadores deram ao Chae Rok o apelido de ‘Bigtese'”. Ele explicou que o apelido surgiu pelo fato de ele bem alto porém agir de modo bem fofo, como um cachorro maltês (ou Maltese, em inglês).

Ao final da entrevista, Song Kang foi perguntado sobre o tipo de ícone que ele deseja ser no futuro. “A palavra ‘ícone’ ainda é algo bem distante de mim”, ele começou. “Invés de esperar para me tornar um ícone, eu só quero fazer os trabalhos dados a mim, um por um, sem arrependimentos. Através desse crescimento devagar e estável, eu espero ser lembrado pelo público como o ator que expressa várias emoções de forma natural. Se eu naturalmente me tornar um ícone por isso, eu acho que ficarei feliz. Até que este dia chegue, eu quero trabalhar duro em meus papéis e entregar intensidade com a minha atuação.”


Disclaimer: As opiniões expressas em matérias traduzidas ou em colunas específicas pertencem aos autores orignais e não refletem necessariamente a opinião do KOREAPOST.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome.

dezenove − sete =

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.