A vitória surpresa de Donald Trump na corrida presidencial dos Estados Unidos fez com que muitos coreanos procurassem saber  exatamente ele disse sobre a Coreia do Sul em sua campanha, em entrevistas e debates.

Aqui estão algumas das coisas que o empresário do mercado imobiliário que se transformou em político disse publicamente sobre a Coreia – tanto do Sul quanto do Norte.

TRUMP 1

Sobre o Líder Norte-Coreano, Kim Jong-Un

“Se você olhar para a Coreia do Norte – esse cara (Kim Jong-Un), ele é um maníaco, né? Mas você tem que lhe dar crédito. Quantos rapazes – ele tinha 25 ou 26 anos quando seu pai morreu – conseguem assumir esses generais duros, assim, de repente? É muito surpreendente quando você pensa nisso. Como ele faz aquilo? Mesmo que seja uma coisa cultural, ele entra, ele assume, e ele é o chefe. É incrível. Ele “limou” o tio. Ele aniquilou este, aquele. Quero dizer, esse cara não brinca. E não podemos brincar com ele. Porque ele realmente tem mísseis. E ele realmente tem armas nucleares”. (Iowa, Janeiro, 2016)

“Eu gostaria que a China fizesse esse cara (Kim Jong-Un) desaparecer, de uma forma ou de outra, muito rapidamente. Esse cara é mau. Qualquer rapaz que possa assumir o lugar de seu pai com todos aqueles generais, com todo mundo provavelmente disputando a posição – não pode ser subestimado”. (Entrevista à CBS, Fevereiro)

“Eu não iria lá (Coreia do Norte). Isso eu posso te dizer. Se ele  (Kim Jong-Un) viesse aqui, eu o receberia, mas eu não lhe daria um jantar de Estado como nós fazemos para a China e todas essas outras pessoas que nos roubam quando lhes damos esses grandes jantares de estado. Nós damos-lhes jantares de estado como você nunca viu. Vamos comer um hambúrguer numa mesa de reuniões, e vamos fazer melhores negócios com a China e outros e esquecer os jantares de Estado”. (Atlanta, Junho)

Sobre as Bases das Forças Armadas Americanas na Coreia do Sul

“No que diz respeito ao Japão e à Coreia do Sul, tudo o que estou dizendo é que os defendemos. Eles estão nos pagando uma pequena fração do que isto está realmente nos custando. Eu quero que eles paguem”. (MSNBC” Morning Joe, Maio)

“É amendoim em comparação com o que está custando… Estamos defendendo a Coreia do Sul, estamos defendendo tantos países, e recebendo amendoins”. Eu pedi 4.000 aparelhos de televisão recentemente para um grande projeto. Todos eles vieram da Coreia do Sul. Meu fornecedores foram todos da Coreia do Sul, exceto a Sony, que é do Japão, mas eles perderam a licitação. Meu fornecedor foi da Coreia do Sul – não sei se é LG ou se é Samsung – mas este é um país rico. Temos 28 mil soldados na fronteira com a Coreia do Sul” (Conferência” No Labels “, New Hampshire, Outubro)

O Jornal Korea Herald checou a veracidade da informação – À partir de 2016, a Coreia do Sul passou a pagar 944,1 bilhões de won para as Forças dos EUA na Coreia, valor este, que é estimado ser menos de metade do custo total.

Fonte: Yonhap
Fonte: Yonhap

Sobre uma Corrida Armamentista Nuclear na Península Coreana

“Em muitos aspectos, o mundo está mudando. Agora, você tem o Paquistão e você tem a Coreia do Norte e você tem a China e você tem a Rússia e você tem a Índia e você tem os Estados Unidos e muitos outros países têm armas nucleares. Não é como se disséssemos, puxa, ninguém tem armas nucleares” (Fox News, Abril)

Sobre a Intervenção Armada dos EUA

“Nós não podemos ser os policiais do mundo … O que ganhamos com isso? É hora de que outras pessoas pararem de nos olhar como estúpidos. “(Rothchild, Wisconsin, Abril)

Sobre a Perspectiva de uma Guerra entre a Coreia do Norte e a Coreia do Sul ou o Japão

“Seria uma coisa terrível, mas se o fizerem, eles que sabem… Boa sorte. Divirtam-se, pessoal”. (Rothchild, Wisconsin, Abril)

Sobre a China e a Coreia do Norte

“A China tem controle – controle absoluto – sobre a Coreia do Norte. Eles não dizem isso, mas eles tem … E eles devem fazer esse problema desaparecer. A China está nos sugando. Eles estão tomando nosso dinheiro. Eles estão tomando nossos empregos. Eles estão fazendo muito. Eles reconstruíram a China com o que eles tiraram. Temos poder sobre a China, a China deveria se livrar deste problema. Eu forçaria a China a fazê-lo economicamente”. (CBS, Fevereiro)

Sobre a Proliferação Nuclear

“Posso ser honesto com você? Vai acontecer, de qualquer maneira. Vai acontecer mesmo assim. É apenas uma questão de tempo. Eles vão começar a tê-los ou teremos que nos livrar deles completamente. Mas muitos países já tem, a China, o Paquistão, a Rússia” (CNN Entrevista, Março)

Sobre o Comércio com a Coreia do Sul

“Minha oponente (Hillary Clinton), por outro lado, tem apoiado praticamente todos os acordos comerciais que têm destruído nossa classe média. Ela apoiou o NAFTA. Ela apoiou o trabalho que matou o comércio com a Coreia do Sul. Eu me comprometo a nunca assinar qualquer acordo comercial que prejudique nossos trabalhadores, ou que diminua nossa liberdade e independência.Nossos horríveis acordos comerciais com a China e muitos outros serão totalmente renegociados.” (Convenção Nacional Republicana, Cleveland, Julho).

O Koreapost é um veículo apolítico. O intuito deste post foi transmitir as ideias do Presidente eleito, conforme publicado no Jornal Korea Herald.


Disclaimer: As opiniões expressas em matérias traduzidas ou em colunas específicas pertencem aos autores orignais e não refletem necessariamente a opinião do KOREAPOST.



DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome.