As cervejas artesanais estão desfrutando de um aumento na popularidade à medida que mais bebedores de cerveja na Coreia do Sul buscam ampliar suas opções, contrariando a tendência de longa data de se limitar àquelas produzidas em massa que dominaram o país.

De acordo com dados da rede de lojas de conveniência CU, as vendas de cerveja artesanal estão crescendo exponencialmente, quase 500% em 2020 em comparação com o ano anterior.

A tendência de alta parece continuar este ano, já que as vendas aumentaram 239,2% em 21 de junho, em comparação com o mesmo período do ano passado. Em 2019, a empresa viu um salto de 220,4% nas vendas de cerveja artesanal, enquanto as vendas gerais de álcool aumentaram apenas 12,3% em 2019 e 17,8% em 2020 em uma base anual.

O salto nas vendas foi impulsionado pela Gompyo Beer, da fabricante de cervejas premium sul-coreana 7Brau em colaboração com a Daehan Flour, que emprestou seu mascote de urso para dar ao produto um toque retrô. Tornou-se um sucesso instantâneo após seu lançamento em maio do ano passado, tornando-se a cerveja mais vendida na rede de lojas de conveniência em abril, deixando para trás best-sellers como Cass e Terra.

“A indústria da cerveja está mudando rapidamente, especialmente desde a mudança do ano passado na lei tributária de bebidas, passando de baseada em valor para baseada em volume, dando competitividade de preço aos fabricantes de cerveja artesanal”, disse Hwang Ji-hye, CEO da plataforma online de cerveja e empresa de marketing BePlat.

“E há a pandemia do coronavírus, que afastou as pessoas de comer fora, levando-as a comprar cerveja em lojas de conveniência”.

Quando as cervejas artesanais se tornaram parte do negócio de “quatro latas por 10.000 won ($ 8,87)” após a nova lei de impostos sobre bebidas, isso levou a um crescimento exponencial nas vendas, explicou Hwang.

O Crescimento Das Cervejas Artesanais Na Coreia Do Sul
Via: the korea herald

O mercado local de cerveja artesanal cresceu para 118 bilhões de won no ano passado, quase o dobro do que era em 2018, de acordo com uma estimativa da Associação Coreana de Cervejarias Artesanais.

A associação disse que o mercado deve crescer para 370 bilhões de won até 2023.

“Os consumidores sul-coreanos já eram satisfeitos com Cass e Hite. Mas mais cervejas importadas chegaram ao mercado desde 2010 e mais pessoas viajam para o exterior agora.O gosto por cerveja se tornou mais sofisticado”, disse Hwang.

A Jeju Beer Company – fabricante de cerveja por trás da Jeju Wit Ale e da Jeju Pellong Ale – que responde por cerca de 28% do mercado de cerveja artesanal do país, também desfrutou de popularidade crescente nos últimos anos.

Suas vendas passaram de 2,2 bilhões de won em 2017 para 15,1 bilhões de won em 2019, antes de quase dobrar para 33,5 bilhões de won em 2020.

Localizada na ilha turística de Jeju, ao sul, a cervejaria adotou o popular destino de férias como sua identidade, produzindo mercadorias e lanches, além de oferecer passeios em sua unidade.

No ano passado, ela também se tornou a primeira cervejaria artesanal local a abrir o capital na Kosdaq – a bolsa de alta tecnologia da Coreia do Sul.

O Crescimento Das Cervejas Artesanais Na Coreia Do Sul
Via: econotimes

Tendo expandido sua unidade de produção durante o primeiro semestre deste ano, a empresa disse que questões como a escassez de abastecimento serão resolvidas.

“Pretendemos nos concentrar na expansão dos canais de fornecimento e vendas para tornar a cerveja Jeju mais acessível”, disse o CEO Moon Hyuk-kee em uma declaração recente

“Também continuaremos a realizar pesquisas e desenvolver novos produtos em um esforço para liderar a ‘terceira onda’ na indústria de cerveja da Coreia do Sul, permitindo que os consumidores desfrutem de uma cultura de cerveja diversa.”

Com a Gompyo Beer e a Jeju Wit Ale liderando o ataque, Lotte Chilsung Beverage emergiu como uma beneficiária do boom da cerveja artesanal.

A fabricante de bebidas produz sua própria cerveja, incluindo a Kloud. Mas também é a fabricante do equipamento original de duas das cervejas artesanais mais populares do país.

Neste contexto, a empresa espera ver sua receita e lucro operacional aumentarem 8,2% e 66% durante o segundo trimestre deste ano, com a taxa de operação de sua fábrica de cerveja melhorando de 20%no ano passado para 40%, Shim Eun-joo, um pesquisador da Hana Financial Investment, disse em um relatório.


Disclaimer: As opiniões expressas em matérias traduzidas ou em colunas específicas pertencem aos autores orignais e não refletem necessariamente a opinião do KOREAPOST.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.