O governo da cidade de Seul apoiará 10 mil trabalhadores, preparando-os para a quarta revolução industrial e também como uma forma de combater o desemprego através de startups, disse o prefeito de Seul, Park Won-soon.

“Trabalharemos com o governo central na criação de uma ‘Academia de Inovação’ em novembro para treinar 2 mil jovens que desempenharão um papel de liderança na era da quarta revolução industrial. Mais outros 8.000 trabalhadores através do Centro de Apoio a Startups de Seul irão nos ajudar a enfrentar a questão do desemprego juvenil”, disse Park em inglês em seu discurso de abertura na Startup Seul: Tech-Rise 2019, um fórum anual de startups.

A cidade também dobrará o número de vagas para startups de tecnologia até 2022 em relação às atuais 1.000 e garantirá que esses espaços estejam disponíveis para empresas estrangeiras, disse o prefeito.

O prefeito de Seul Park Won-soon fez um discurso de abertura durante o Start-up Seul: Tech-Rise 2019 no Dongdaemun Design Plaza em Seul, em 5 de setembro de 2019. Foto: Yonhap

“Qualquer empresário pode ingressar na ‘Associação de Startups de Seul’ para receber suporte personalizado de organizações especializadas”, disse o prefeito Park Won-soon.

Em particular, a cidade cooperou com o ministério da justiça para acelerar a concessão de vistos aos jovens empreendedores estrangeiros que desejam iniciar seus negócios em Seul, disse Park, acrescentando: “Também estamos considerando a oferta de moradia a preços acessíveis.”

O fórum de três dias contou com a participação de 3 mil empresários, investidores e aproximadamente 200 startups de 20 países.


Disclaimer: As opiniões expressas em matérias traduzidas ou em colunas específicas pertencem aos autores orignais e não refletem necessariamente a opinião do KOREAPOST.



DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome.