Durante as reuniões entre as duas Coreias, que vem acontecendo durante os últimos meses, os dois paises decidiram promover uma série de eventos desportivos, que aconteceram nos dois países.

Os jogos inter-coreanos de basquete que começam esta semana, acontecerão na capital do Norte, Pyongyang, e darão início a uma série de intercâmbios esportivos, iniciando um verão repleto de amistosos sul-norte.

20180701000216_0

Quatro jogos de basquete serão realizados hoje e amanhã, com equipes masculinas e femininas das duas Coreias, disputando quatro partidas amistosas.

Na sexta-feira passada, Seul  divulgou uma lista de jogadores que iram a Coreia do Norte para os jogos de basquete. Uma delegação de 100 membros, liderada pelo ministro da Unificação, Cho Myoung-gyon, partiu para Pyongyang na terça-feira. O grupo incluirá 50 atletas femininos e masculinos, além de jornalistas.

Os jogos devem atrair a atenção da mídia, já que Kim, é conhecido por ser um ávido fã de basquete, e foi ele mesmo que propôs a realização dos jogos durante o encontro dos lideres no final de abril. Ainda não foi confirmado se o líder norte-coreano irá assistir aos jogos.

O 18º Jogos Asiáticos na Indonésia, coorganizados por Jacarta e Palembang serão dos dias 18 de agosto a 2 de setembro, e deverão ser o palco global para as duas Coreias mostrarem seu vínculo renovado.

De acordo com o Conselho Olímpico da Ásia, ambos concordaram em ter equipes conjuntas em três modalidades esportivas e seis eventos deste ano. Eles competirão juntos no basquete, corrida de barcos-dragão e remo.

Além de equipes unificadas no basquete feminino; canoagem de barcos-dragão masculino e feminino e eventos de skiff duplo feminino de remo.

As Coreias já formaram equipes conjuntas em campeonatos mundiais de tênis de mesa e futebol juvenil, mas a equipe feminina de hóquei no gelo da Olimpíada de PyeongChang, em fevereiro, marcou a primeira equipe coreana em uma competição multiesportiva internacional.

Após a participação da Coreia do Norte nas Olimpíadas de PyeongChang, surgiram ideias para expandir o intercâmbio esportivo internacional, mas foi depois da reunião entre o presidente sul-coreano Moon Jae-in e o líder norte-coreano Kim Jong-un em 27 de abril que as idealizações ganharam vida.

Uma declaração conjunta emitida depois da reunião estabeleceu uma união para “sabedoria coletiva, talentos e solidariedade das duas Coreias, participando conjuntamente em eventos esportivos internacionais, como os Jogos Asiáticos de 2018”.

Recordando a diplomacia entre os EUA e a China no início dos anos 1970, especialistas apontam que os intercâmbios esportivos muitas vezes ajudam a suavizar as relações entre as nações e neste caso, eles esperam que estes eventos continuem a melhorar os laços inter-coreanos.


Disclaimer: As opiniões expressas em matérias traduzidas ou em colunas específicas pertencem aos autores orignais e não refletem necessariamente a opinião do KOREAPOST.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.