O número de estrangeiros na Coreia do Sul superou a marca de 2 milhões no último mês de junho, representando 3,9% do total da população, conforme dados do governo coreano nesta quarta 27/07.

O número de estrangeiros na Coreia está aumentando, uma vez que atingiu a marca de 1 milhão em 2007, segundo o Ministério da Justiça. De 2011 a 2015, o número subiu para uma média anual de 8%.

Os dados mostraram que por nacionalidades, os cidadãos chineses estão no topo da lista com 50,6% do total dos estrangeiros, seguidos pelos norte-americanos com 7,8% e Vietnamitas com 7,2%

O número de pessoas que vivem no país há mais de 90 dias representou 74% do total, enquanto os visitantes de curto prazo representaram os 26% restantes, de acordo com a pesquisa.

O número de residentes de tempo indeterminado aumentou drasticamente de 219.962 em 2000 para 1.418.603 em junho deste ano.

Estrangeiros - Alguns Vestindo A Roupa Tradicionais Coreanas, Outros Uniformes Militares - Fizeram Parte Em 2016 Do Namdaemun Market Global Festival, Que Abriu No Mercado No Centro De Seul, Em 26 De Maio Foram Três Dias De Festival. O Festival Dá Aos Visitantes A Oportunidade De Experimentar A Cultura Tradicional E Moderna Da Coréia. (Fonte: Yonhap / The Korea Herald)
Estrangeiros – alguns vestindo a roupa tradicionais coreanas, outros uniformes militares – fizeram parte em 2016 do namdaemun market global festival, que abriu no mercado no centro de seul, em 26 de maio foram três dias de festival. O festival dá aos visitantes a oportunidade de experimentar a cultura tradicional e moderna da coreia. (fonte: yonhap / the korea herald)

O ministério atribuiu o crescimento ao aumento do número de cidadãos chineses que ficam no país a longo prazo, bem como o aumento geral daqueles que conseguem emprego, casam-se com os moradores e estudam aqui.

Em 2000, o número de chineses que ficavam na Coreia do Sul e fixavam moradia era por volta de 58.984, mas agora é de 807.076, de acordo com os dados.

O número de estrangeiros que conseguiram emprego na Coreia do Sul também aumentou de 20.538 em 2000 para 608.867 em junho de 2016. O número de cônjuges estrangeiros aumentou para 151.820, seis vezes o número relatado em 2001. O número de estudantes estrangeiros também aumentou de 4.015 em 2000 para 101.601, de acordo com os dados. Entre os estudantes dos 172 países presentes na Coreia, 59,5% são chineses.

Mais de 60% dos estrangeiros que se encontram na Coreia do Sul, residem em Seul, e na província de Gyeonggi e arredores. O número de visitantes a curto prazo também quase duplicou, passando de 271.362 em 2000 para 520.225 este ano.

O número atual de imigrantes ilegais é por volta de 10,6% de todos os estrangeiros no país, disse o ministério.


Disclaimer: As opiniões expressas em matérias traduzidas ou em colunas específicas pertencem aos autores orignais e não refletem necessariamente a opinião do KOREAPOST.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.