“Uma onda de calor incomum que começou na semana passada, vai se arrastar até meados de setembro”, disse a Agência Meteorológica da Coreia na última quinta-feira.

A KMA diz que é esperado que a temperatura máxima em todo o país suba para pelo menos 35 graus Celsius ainda durante este mês.  Até o momento a máxima em Seul atingiu 30 graus Celsius.

 Um hipopótamo é regado com água para mantê-lo fresco em um jardim zoológico em Gwangju, quinta-feira. ( Yonhap )
Um hipopótamo recebe jatos de água para mantê-lo fresco em um jardim zoológico em Gwangju. (Yonhap)

“Como é provável que as chuvas de monção desçam para a parte sul da península, o índice de umidade também será alto, assim como o desconforto, advertiram meteorologistas.

O calor levou à morte quatro idosos e mais de 960.000 animais incluindo porcos e galinhas, dentro de um mês, principalmente nas províncias de Jeolla e Chungcheong. Em Busan, no domingo, um homem de 53 anos de idade foi encontrado morto dentro de seu carro depois de dormir dentro deste durante a noite.

As autoridades de saúde encorajam os cidadãos acima de 70 anos e aqueles que trabalham ao ar livre a manterem-se hidratados e evitarem ir para debaixo do sol no período do meio-dia às cinco da tarde.

De acordo com a Organização Meteorológica Mundial, 2016 será o ano mais quente já registrado.

Um relatório da OMM divulgado na semana passada disse que os níveis de dióxido de carbono, o principal catalisador para o aquecimento global, atingiram 407 ppm, em comparação com a média anterior de 400 ppm. Os primeiros seis meses de 2016 estabeleceram um recorde como os meses mais quentes consecutivos na história.

 


Disclaimer: As opiniões expressas em matérias traduzidas ou em colunas específicas pertencem aos autores orignais e não refletem necessariamente a opinião do KOREAPOST.



DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome.