O esgrimista sul-coreano Park Sang-Young conquistou a medalha de ouro na prova de esgrima individual masculina nos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro nesta terça-feira, 09/08. Turbinado por um retorno furioso, o atleta certamente apagou um período anterior de pouco sucesso.

Sang-Young derrotou Geza Imre da Hungria por 15-14 na final emocionante realizada na Arena 3. O placar estava desfavorável, 14-10 para o húngaro, quando a menos de três minutos do final, Sang-Young fez cinco pontos numa virada improvável e deu a Coreia do Sul a sua terceira medalha de ouro nas Olímpiadas.

O Esgrimista Sul-Coreano Sang-Young Sang-Young Celebra Sua Vitória Sobre Geza Imre Da Hungria Na Final Da Espada Individual Masculino Nos Jogos Olímpicos Rio De Janeiro Em 09 De Agosto De 2016. Foto: Yonhap
O esgrimista sul-coreano sang-young sang-young celebra sua vitória sobre geza imre da hungria na final da espada individual masculino nos jogos olímpicos rio de janeiro em 09 de agosto de 2016. Foto: yonhap

Eu nem estava pensando em tentar ganhar uma medalha de ouro“, disse ele. “Uma vez que a Olímpiada é a mais importante competição para todos os esportes, eu queria participar e tirar o melhor da experiência, pois, não sei se terei esta oportunidade novamente. Por esta razão, dei tudo de mim, pois não queria ter nenhum arrependimento, e eu acho que meu esforço foi recompensado”.

Sang-Young é apenas o segundo homem sul-coreano a ganhar um ouro olímpico individual em esgrima. O primeiro foi Kim Young-ho nos Jogos de 2000 em Sydney.

Os esgrimistas começaram empatados, com o escore 9-9 até o meio do segundo período. O húngaro Geza – Campeão do Mundo, de 41 anos – marcou quatro pontos consecutivos.

Sang-Young conseguiu marcar antes mas Geza respondeu, chegando no 14-10. À beira da derrota, e para a felicidade de todo o povo sul-coreano, Sang-Young tirou todas as cartas da manga e virou o cenário a seu favor, conquistando o 15º ponto que lhe deu a improvável vitória.


Disclaimer: As opiniões expressas em matérias traduzidas ou em colunas específicas pertencem aos autores orignais e não refletem necessariamente a opinião do KOREAPOST.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.