O Ministério da Indústria da Coreia disse que pretende investir W95 bilhões ($81.5 milhões) para desenvolver soluções para diminuir a emissão de carbono das indústrias, cumprindo a missão do país em neutralizar o carbono até 2050.

De acordo com o Ministério de Comércio, Indústria e Energia, o orçamento será alocado para projetos de pesquisas em tecnologia de capturas, utilização e armazenamento de dióxido de carbono (CCUS, sigla em inglês).

A tecnologia será aplicada na captura de dióxido de carbono de fábricas e usinas, antes que estas sejam lançadas no ar. Depois, serão armazenadas ou usadas em outras indústrias.

Coreia Vai Investir Mais De 90 Milhões De Dólares Em Pesquisa Para Redução De Carbono
Coreanos protestam contra a emissão de carbono das indústrias. Fonte: the guardian

A Coreia disse que, primeiramente planeja encontrar meios de capturar dióxido de carbono das indústrias de cimento e petroquímicas, além de usinas de gás natural liquefeito.

Os projetos também incluem desenvolver soluções para armazenar dióxido de carbono indefinidamente.

Em outubro, o Ministério pretende selecionar instituições que irão executar os projetos de pesquisas.

A Coreia tem se esforçado para mitigar as emissões de carbono, além de promover o uso de recursos sustentáveis, como o hidrogênio.

Desde 2016, quando o acordo climático da Paris entrou em vigor, a neutralidade do carbono é um dos esforços globais na luta contra as mudanças climáticas.


Disclaimer: As opiniões expressas em matérias traduzidas ou em colunas específicas pertencem aos autores orignais e não refletem necessariamente a opinião do KOREAPOST.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.